Jornal do Commercio
TV JC

Na TV JC, Paulo Câmara garante: 'O Pacto pela Vida dará resultados'

Governador volta a dizer que a gestão estadual irá executar medidas de combate à violência

Publicado em 24/02/2017, às 16h14

Paulo Câmara diz que Pacto pela Vida voltará a dar resultados / Divulgação
Paulo Câmara diz que Pacto pela Vida voltará a dar resultados
Divulgação
Da editoria de Política

Em entrevista ao programa Resenha Política, da TV JC nesta sexta-feira, o governador Paulo Câmara (PSB) afirmou que o Estado está trabalhando para impedir o aumento da violência e que os pernambucanos irão se sentir mais protegidos (veja entrevista completa abaixo).

"O Paco pela Vida está aí, é um política estruturada. Se não está dando resultado agora, vai dar. Há desconhecimento de muitas pessoas do que é o Pacto pela Vida", disse.

Ainda segundo o governador, a oposição ao seu governo tem "politizado" a Segurança Pública. "Estou tranquilo porque o resultado está sendo feito. Não estou preocupado em politizar debate e com a eleição (de 2018, de reeleição)", declarou, reforçando que o combate à violência também precisa do empenho do governo federal.

Nos últimos dias, o governo estadual intensificou o trabalho de comunicação sobre a Segurança Pública. De acordo com Paulo Câmara, a medida tem fundamento para explicar melhor algumas medidas da gestão - como o reajuste concedido a policiais e bombeiros militares - e para minimizar os riscos causados por boatos.

Paulo Câmara disse que os comandos oficiais se sentiam desprestigiados com o espaço dado às associações de militares e por isso tem combatido essas instituições. 

"As decisões que estamos tomando vão melhorar o ambiente policial", assegurou, destancado que as ações serão tomadas pensando na população e não na eleição de 2018.

Em relação a mudanças que podem ser feitas, o governador afirmou que é preciso mudar os processos de prisão e soltura de detentos. "A quantidade não é mais prioridade. É preciso qualidade", declarou.

CONCURSO

O governador defendeu a iniciativa de convocar policiais civis aposentados para voltar ao serviço e disse que há 1,5 mil policiais militares na academia. "Tão logo acabe a academia, eles vão para as ruas e vamos convocar os remanescentes. O que é essa questão de aposentados? Temos policiais que se aposentam relativamente novo que podem nos ajudar na parte administrativa e da burocracia e liberar mais policiais para ir às ruas", informou.

Recomendados para você


Comentários

Por sirico,24/02/2017

Atenção Sr Governado do Estado não temos segurança pública em Pernambuco, não esta funcionando precariamente, agora a pouco br 232, moreno, vários elementos fortemente armados pararam vários veículos nas duas vias da BR a assaltaram vários cidadãos de trafegavam na rodovia. não a verdade no que diz cidadão.



Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

Pernambuco Modernista Pernambuco Modernista
Conheça a intimidade de ateliês, no silêncio de casas, na ansiedade de pincéis sujos para mostrar como, quase nonagenária, a terceira grande geração da arte moderna de Pernambuco vai atravessando as primeiras décadas do século 21
A crise que adoece A crise que adoece
Além dos índices econômicos ruins, a recessão iniciada em 2014 no Brasil cria uma população mais doente, vítima do estresse causado pela falta de perspectivas. A pressão gera problemas psicológicos e físicos, que exigem atenção.
Agreste seco Agreste seco
A seca colocou de joelhos uma região inteira. Fez o Agreste sertanejar. Os cinco anos consecutivos sem chuva em Pernambuco ganharam aqui a dimensão de uma tragédia. Silenciosa e diária.

    LOCALIZAÇÃO

  • Rua da Fundição, 257 Santo Amaro, Recife - PE
    CEP: 50040-100
  • assinejc.com.br
  • (81) 3413-6100

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2017 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM