Jornal do Commercio
TV JC

Na TV JC, Paulo Câmara garante: 'O Pacto pela Vida dará resultados'

Governador volta a dizer que a gestão estadual irá executar medidas de combate à violência

Publicado em 24/02/2017, às 16h14

Paulo Câmara diz que Pacto pela Vida voltará a dar resultados / Divulgação
Paulo Câmara diz que Pacto pela Vida voltará a dar resultados
Divulgação
Da editoria de Política

Em entrevista ao programa Resenha Política, da TV JC nesta sexta-feira, o governador Paulo Câmara (PSB) afirmou que o Estado está trabalhando para impedir o aumento da violência e que os pernambucanos irão se sentir mais protegidos (veja entrevista completa abaixo).

"O Paco pela Vida está aí, é um política estruturada. Se não está dando resultado agora, vai dar. Há desconhecimento de muitas pessoas do que é o Pacto pela Vida", disse.

Ainda segundo o governador, a oposição ao seu governo tem "politizado" a Segurança Pública. "Estou tranquilo porque o resultado está sendo feito. Não estou preocupado em politizar debate e com a eleição (de 2018, de reeleição)", declarou, reforçando que o combate à violência também precisa do empenho do governo federal.

Nos últimos dias, o governo estadual intensificou o trabalho de comunicação sobre a Segurança Pública. De acordo com Paulo Câmara, a medida tem fundamento para explicar melhor algumas medidas da gestão - como o reajuste concedido a policiais e bombeiros militares - e para minimizar os riscos causados por boatos.

Paulo Câmara disse que os comandos oficiais se sentiam desprestigiados com o espaço dado às associações de militares e por isso tem combatido essas instituições. 

"As decisões que estamos tomando vão melhorar o ambiente policial", assegurou, destancado que as ações serão tomadas pensando na população e não na eleição de 2018.

Em relação a mudanças que podem ser feitas, o governador afirmou que é preciso mudar os processos de prisão e soltura de detentos. "A quantidade não é mais prioridade. É preciso qualidade", declarou.

CONCURSO

O governador defendeu a iniciativa de convocar policiais civis aposentados para voltar ao serviço e disse que há 1,5 mil policiais militares na academia. "Tão logo acabe a academia, eles vão para as ruas e vamos convocar os remanescentes. O que é essa questão de aposentados? Temos policiais que se aposentam relativamente novo que podem nos ajudar na parte administrativa e da burocracia e liberar mais policiais para ir às ruas", informou.

Recomendados para você


Comentários

Por sirico,24/02/2017

Atenção Sr Governado do Estado não temos segurança pública em Pernambuco, não esta funcionando precariamente, agora a pouco br 232, moreno, vários elementos fortemente armados pararam vários veículos nas duas vias da BR a assaltaram vários cidadãos de trafegavam na rodovia. não a verdade no que diz cidadão.



Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

Marcas do medo Marcas do medo
Mais do que um saldo de 4,1 mil mortos até setembro de 2017, a violência em PE deixou uma população inteira refém do medo. Sentimento sem cara ou forma, que faz um número cada vez maior de vítimas no Estado. Medo de sair de casa, de andar nas ruas
Great Place to Work 2017 Great Place to Work 2017
Conheça agora as 30 melhores empresas para trabalhar em Pernambuco, resultado de uma pesquisa feita pela Grat Place to Work, instituição com credibilidade de 25 anos, em 57 países, envolvendo anualmente sete mil empresas e 12 milhões de colaboradores
#ACulpaNãoÉDelas #ACulpaNãoÉDelas
Histórias de mulheres que passaram anos sendo agredidas por seus parceiros e, com medo, permaneceram em silêncio. Essa série de reportagem discute novos olhares no enfrentamento às agressões contra a mulher, até porque a culpa não é delas

    LOCALIZAÇÃO

  • Rua da Fundição, 257 Santo Amaro, Recife - PE
    CEP: 50040-100
  • assinejc.com.br
  • (81) 3413-6100

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2017 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM