Jornal do Commercio
Pernambuco em Ação

Paulo Câmara presta contas dizendo que fez muito em 2 anos de gestão

Governador fez balanço nessa quinta-feira em Afogados da Ingazeira; nesta sexta ele visita Petrolândia

Publicado em 24/03/2017, às 06h30

Paulo Câmara está no Sertão 'prestando contas' do mandato com o projeto Pernambuco em Ação / Aluisio Moreira/SEI
Paulo Câmara está no Sertão 'prestando contas' do mandato com o projeto Pernambuco em Ação
Aluisio Moreira/SEI
Franco Benites

O início do Pernambuco em Ação, nesta quinta-feira (23), em Afogados da Ingazeira, no Sertão, não poderia ter sido melhor para o governador Paulo Câmara (PSB). Ao contrário de episódios ocorridos durante Todos por Pernambuco, seminário realizado em 2015 e que serviu de modelo para o projeto de "prestação de contas", o socialista não sofreu nenhum tipo de saia justa por conta de manifestantes. Aclamado por secretários, prefeitos e deputados estaduais e federais, Paulo não foi cobrado nem quando abriu o microfone para que moradores da cidade e municípios vizinhos fizessem comentários sobre a gestão. As intervenções foram para elogiar o governo estadual e o anfitrião do evento, o prefeito José Patriota (PSB).

A programação idealizada pelo governo foi seguida à risca, sempre na medida para a imagem do governador. Entre os diversos afagos de aliados, ele assinou ordens de serviço, inaugurou obras executadas com dinheiro da gestão estadual e fez um balanço positivo da sua administração. Em um discurso de 20 minutos para uma plateia arregimentada pela prefeitura, incluindo estudantes com fardas de escolas estaduais, Paulo voltou a repetir o discurso de que não fez mais pelo Estado devido à crise política e econômica do Brasil.

"Tivemos a oportunidade de aproveitar, durante o governo Eduardo Campos, o momento positivo que o Brasil viveu, de atração de investimentos. Agora, temos que consolidar tudo o que veio, avançar e se adaptar aos novos tempos. Sabemos que esses dois anos foram muito difíceis, mas não deixamos de buscar alternativas. Muito ainda tem que ser feito, mas também fizemos muito. Pernambuco está de pé", afirmou, pouco depois das 17h, para uma plateia numerosa, mas com menos pessoas em relação ao início do evento, no começo da tarde.

"Estamos enfrentando a violência", afirma Paulo Câmara

Paulo: vou analisar com muito cuidado reforma da previdência estadual

Antes dos discursos começarem, um vídeo com as ações do governo estadual em Afogados da Ingazeira e outras cidades do Sertão do Pajeú foi exibido. Para não ficar apenas na "prestação de contas", o governador assinou ordens de serviço para construção de quadras, obras hídricas e rodoviárias e projetos na área de saúde. A viagem ainda incluiu uma visita a outros municípios sertanejos como Serra Talhada e Flores. No primeiro, ele anunciou a construção do Hospital Geral do Sertão. Já no outro inaugurou um trecho rodoviário.



2018 NA MIRA

Embora o governo faça um esforço para afastar o caráter eleitoral do Pernambuco em Ação, alguns discursos proferidos ontem em Afogados da Ingazeira foram dignos de palanques. "Esse é o primeiro mandato de Paulo Câmara e vamos reconduzi-lo para que Pernambuco continue a crescer", declarou o deputado Ricardo Costa (PMDB), em meio a elogios ao governador e a Eduardo Campos.

O prefeito José Patriota afagou o governador e os deputados federais e estaduais presentes em Afogados da Ingazeira. "Essa turma toda que anda com Paulo Câmara é uma turma de guerra, uma turma de luta. A guerra do bem, da paz, do desenvolvimento, que não baixa a cabeça, não desanima na hora das dificuldades. Esse é um esforço (a inauguração de uma escola) das forças que governam Pernambuco, transformando problemas em soluções", afirmou.

O governador não falou diretamente sobre reeleição, mas deixou o recado para a oposição. "Apesar de tudo, nunca tive tão animado, tão propositivo a trabalhar por esse estado. Quero trabalhar junto com vocês porque é com vocês que a gente vai mostrar que esse Estado está na vanguarda brasileira", ressaltou Paulo. Ele ainda disse que gostaria de viajar mais pelo Estado.

Nesta sexta-feira, Paulo Câmara e sua comitiva estarão em Petrolândia. No sábado, a cidade visitada será Arcoverde.


Recomendados para você


Comentários

Por Dileninha,25/03/2017

Xiiiii, Paulo, vaza, esquece reeleição, tu e uma cambada de deputados estaduais, dançaram, o POVO acordou, ôçes dançaram.

Por Osvaldo,25/03/2017

É muita audácia de Paulo Câmara cogitar se reeleger! É querer tirar onda com uma população que, se pudesse, teria o tirado do poder desde o ano passado. Mas como dependemos daqueles que são justamente seus aliados, teremos que esperar até 2018 para escorraçá-lo do governo do estado, assim como, pelo menos uns 20 a 25 da sua base aliada na assembléia legislativa. FORA PSB!

Por FORA MISERA,25/03/2017

Quero ver quem é que vai morrer em 2018 para Paulo Câmara se reeleger. Realmente, ele fez muta coisa. Muita besteira, muita violência, muita desordem no estado etc. Pernambuco merece alguém mais preparado para governá-lo.

Por André Sanches,25/03/2017

Paulo Câmara Lenta fez o pernambucano de otário! PIOR GOVERNADOR DO BRASIL!

Por DESESPERADO CIDADÃO,25/03/2017

CTD , você tem razão , ele fez por eles e pelos CAMPOS , que continuam mandando e desmando nesse Estado . Em todos os setores de nosso Estado ele foi uma ABERRAÇÃO . Não acertou em nada , fez promessas que não cumpriu , desrespeitou a história de Pernambuco e fez com que Pernambuco sofresse mais do que deveria . Infelizmente para nós e felizmente para ele , teve essa MODINHA da crise que virou escudo para a maioria dos governadores incompetentes e descompromissado como ele . PERNAMBUCO precisa voltar a CRESCER e o povo precisa voltar a aprender a VOTAR e não perpetuar no poder políticos qu ejá mostraram por décadas que não têm compromisso com o POVO pernambucano . CHEGA. FORA TEMER , VIVA O POVO BRASILEIRO , VIVA A EDUCAÇÃO .



Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

Pernambuco Modernista Pernambuco Modernista
Conheça a intimidade de ateliês, no silêncio de casas, na ansiedade de pincéis sujos para mostrar como, quase nonagenária, a terceira grande geração da arte moderna de Pernambuco vai atravessando as primeiras décadas do século 21
A crise que adoece A crise que adoece
Além dos índices econômicos ruins, a recessão iniciada em 2014 no Brasil cria uma população mais doente, vítima do estresse causado pela falta de perspectivas. A pressão gera problemas psicológicos e físicos, que exigem atenção.
Agreste seco Agreste seco
A seca colocou de joelhos uma região inteira. Fez o Agreste sertanejar. Os cinco anos consecutivos sem chuva em Pernambuco ganharam aqui a dimensão de uma tragédia. Silenciosa e diária.

    LOCALIZAÇÃO

  • Rua da Fundição, 257 Santo Amaro, Recife - PE
    CEP: 50040-100
  • assinejc.com.br
  • (81) 3413-6100

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2017 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM