Jornal do Commercio
Estudo

Pesquisa Uninassau mostra que 14% dos eleitores venderiam seus votos

Levantamento foi feito em parceria com o JC e com o portal Leia Já

Publicado em 13/10/2017, às 06h30

63% dos participantes da pesquisa disseram que conhecem pessoas que trocam seus votos no dia da eleição / Foto: Marcos Santos/USP Imagens
63% dos participantes da pesquisa disseram que conhecem pessoas que trocam seus votos no dia da eleição
Foto: Marcos Santos/USP Imagens
RENATA MONTEIRO
rmonteiro@jc.com.br

A um ano das próximas eleições, em um momento em que a corrupção é um dos temas mais discutidos no País, 14% dos 624 entrevistados na pesquisa O Eleitor e suas Visões de Mundo, do Instituto de Pesquisas Uninassau, disseram que trocariam seus votos por um emprego ou por dinheiro. O levantamento, feito em parceria com o JC e com o portal Leia Já, apontou ainda que 74% dos pesquisados não venderiam seus voto por nada, no entanto, 63% dos participantes disseram que conhecem pessoas trocam seus votos no dia da eleição.

“Esses números mostram que há uma parcela dos entrevistados que comercializam seus votos, mas não querem admitir, e que também há aqueles que realmente conhecem pessoas que fazem isso”, avaliou o cientista político Adriano Oliveira, professor da Universidade Federal de Pernambuco e coordenador do estudo.



O NOVO

A pesquisa - que investigou a abertura do eleitorado para o novo na política (55% disse que espera mudanças radicais no País e no seu Estado a partir de 2018), sua visão sobre o papel da imprensa na divulgação de casos de corrupção, o perfil dos candidatos em que deseja votar, entre outros pontos -, mostra também que 71,9% dos entrevistados diz não admirar nenhum partido. Em segundo lugar estão aqueles que apreciam o PT (17,8%), seguidos dos admiradores do PSDB (1,9%).

De acordo com Adriano Oliveira, são as bandeiras ideológicas do PT que fazem com que muitas pessoas ainda o admirem. “O PT estar tão na frente do terceiro colocado mesmo envolvido em muitos escândalos se deve à sua agenda de inclusão social e contrária às reformas. Esses temas cativam vários setores, como os funcionários públicos, por exemplo. Essa é a força do PT”, explicou.


Palavras-chave

Recomendados para você


Comentários

Por ronaldo,13/10/2017

POVINHO SAFADO,ESCROTO E MERCENÁRIO!!!!

Por Pensador,13/10/2017

17,8% + 1,9% da população é corrupta e desonesta.

Por silva,13/10/2017

INFELIZMENTE A VERDADE É OUTRA, EM TORNO DE 70% DOS ELEITORES UTILIZAM SEUS VOTOS PARA TER ALGUM BENEFICIO ANTES OU DEPOIS DA ELEIÇÃO, ASSIM COMO É UM PRATICA COMUM DOS POLÍTICOS COMPRAREM VOTOS, IMAGINE QUE DE TÃO COMUM ESSA PRATICA COMEÇA EM BRASÍLIA PELO PRÓPRIO PRESIDENTE DA REPÚBLICA.



Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

Prêmio ISS Recife Prêmio ISS Recife
Principal item da receita própria dos municípios, o Imposto Sobre Serviços (ISS) entra no cofre das prefeituras tanto para custear despesas quanto para viabilizar investimentos nas cidades.
#ConexãoPelaVida #ConexãoPelaVida
Há quase dois séculos, o Real Hospital Português mantém a sua atenção voltada para o bem-estar dos pacientes. Conheça um pouco mais sobre a instituição médica que aos 162 não para de se modernizar
Agreste Empreendedor Agreste Empreendedor
O Agreste pernambucano é a região que mais cresce em Pernambuco. E, por incrível que pareça, a força motriz que puxou esse desenvolvimento foi o empreendedorismo.

    LOCALIZAÇÃO

  • Rua da Fundição, 257 Santo Amaro, Recife - PE
    CEP: 50040-100
  • assinejc.com.br
  • (81) 3413-6100

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2017 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM