Jornal do Commercio
APOSENTADORIA

'Vamos aposentar e morrer', diz vereador sobre reforma da Previdência

Vereador do Recife, Almir Fernando (PCdoB) cobra 'conscientização' para que a reforma da Previdência não seja aprovada

Publicado em 07/12/2017, às 14h05

Vereador do Recife, Almir Fernando (PCdoB) fez as críticas na Câmara Municipal / Foto: Câmara do Recife
Vereador do Recife, Almir Fernando (PCdoB) fez as críticas na Câmara Municipal
Foto: Câmara do Recife
Da Editoria de Política

Durante discurso na Câmara do Recife sobre a importância da manutenção dos fiscais de ônibus nos terminais do Recife como forma de combate ao desemprego, o vereador Almir Fernando, do PCdoB, criticou a reforma da Previdência, que o governo do presidente Michel Temer (PMDB) articula para votar até o fim deste ano. Para o vereador, deve haver uma conscientização para que a matéria não seja aprovada. “Vai chegar um ponto em que vamos nos aposentar e morrer, ou nem se aposentar. O que estão querendo é que a gente apenas contribua. Temos a esperança de fazer com que haja uma conscientização dos deputados e senadores para que essa emenda não seja aprovada", comentou.

Nessa quarta (6), a legitimidade do governo Temer para propor a reforma da Previdência foi questionada no relatório final da Comissão Especial da Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe) voltada para analisar o tema. O relatório defende que a idade mínima para aposentadoria leve em consideração a expectativa de vida diferente para os estados do País.



Entre as recomendações sugeridas ao Ministério da Previdência Social, o relatório da Alepe pede para "aguardar a vinda de um governo legítimo para encaminhar nova proposta de Projeto de Emenda Constitucional". O relatório ainda sugere que que trabalhadores rurais e mulheres tenham critérios mais vantajosos como idade mínima e tempo de contribuição.

Maia diz que vai tentar votar texto até o fim do ano

O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, afirmou nesta quinta-feira (7) que, apesar de o governo ainda não ter os votos necessários para aprovar a reforma, ele vai continuar trabalhando para aprovar o texto ainda neste ano. Na noite dessa quinta (6), líderes aliados voltaram a se encontrar com o presidente da República, Michel Temer, para tentar contabilizar os votos. Concluíram que ainda não há o suficiente para garantir a aprovação no Plenário. São necessários pelo menos 308 votos, em dois turnos de votação.


Palavras-chave

Recomendados para você




Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

JC recall de marcas 2017 JC recall de marcas 2017
Conheça o ranking das marcas que têm conseguido se manter no topo da preferência dos pernambucanos. O rol é resultado de uma pesquisa realizada pelo Instituto Harrop, há duas décadas parceiro do Jornal do Commercio na realização da premiação
10 anos do IJCPM 10 anos do IJCPM
O Instituto João Carlos Paes Mendonça de Compromisso Social (IJCPM) comemora 10 anos de história, contribuindo para transformar a vida de jovens de comunidades com histórico de desigualdade social nas cidades de Recife, Salvador, Fortaleza e Aracaju
Chapecoense: um ano de saudade Chapecoense: um ano de saudade
Um ano de saudade. Foi isso que restou. A maior tragédia do esporte mundial, no dia 29 de novembro de 2016, quando houve o acidente aéreo com a delegação da Chapecoense, em Medellín, na Colômbia, fez 71 vítimas. Entre elas, dois pernambucanos

    LOCALIZAÇÃO

  • Rua da Fundição, 257 Santo Amaro, Recife - PE
    CEP: 50040-100
  • assinejc.com.br
  • (81) 3413-6100

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2017 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM