Jornal do Commercio
Bolsonaro

'Tem que divulgar meu patrimônio. Esquece meus filhos', diz Bolsonaro

A Folha de S. Paulo revelou recentemente que o deputado federal Jair Bolsonaro e os seus três filhos possuem 13 imóveis no valor de R$ 15 milhões

Publicado em 12/01/2018, às 12h02

"Daqui a pouco vão querer pegar minha mãe, com 91 anos de idade. Começar a levantar a vida dela", afirmou o parlamentar
Foto: Wilson Dias / Agência Brasil
Editoria de Política
Com informações do Jornal Folha de S. Paulo

O deputado federal Jair Bolsonaro (PSC-RJ) voltou a criticar o Jornal Folha de S. Paulo, que divulgou recentemente que o parlamentar recebia auxílio-moradia da Câmara dos Deputados apesar de ele possui um imóvel próprio em Brasília.

O parlamentar informou que tem planos de vendê-lo e solicitar um apartamento funcional. "Chegando lá em janeiro, acabando o recesso [parlamentar], vou pedir o apartamento funcional, inclusive tem mais ou menos 60m2 o meu apartamento, vou passar para um de 200m2, espero que pegue com hidromassagem, ok? Eu vou morar numa mansão, não vou pagar segurança, não vou pagar IPTU, no meu eu pago, não vou pagar condomínio, no meu eu pago, eu vou ter paz", afirmou Bolsonaro. 

O Estado de S. Paulo revelou recentemente que o parlamentar e os seus três filhos possuem 13 imóveis no valor de R$ 15 milhões. A maior parte das propriedades são localizadas em lugares bastante valorizados, como Urca, Barra da Tijuca e Copacabana. Os bens pertencentes ao deputado ainda incluem carros na quantia entre R$ 45 mil a R$ 105 mil, um jet ski e aplicações financeiras, que totalizam R$ 1,7 milhão, como consta nos cartórios e na Justiça Eleitoral. 

"Peraí, você tem que divulgar é o meu patrimônio. Daqui a pouco vão querer pegar minha mãe, com 91 anos de idade. Começar a levantar a vida dela. Peraí. Você vai pegar da minha mãe daqui a pouco. Meu pai já morreu, dos meus irmãos. Ok? Tem que pegar o meu. Esquece meus filhos. Se o meu filho assaltar um banco agora ou ganhar na Mega Sena, é problema dele, não é meu", respondeu o parlamentar após ser questionado sobre o patrimônio da sua família. 



As transações da residência onde Bolsonaro reside, na Barra da Tijuca, há indícios de que houve uma operação suspeita de lavagem de dinheiro, segundo os critérios do Coaf (Ministério da Fazenda) e do Conselho Federal dos Corretores de Imóveis (Cofeci). 

Questionado se utilizou em algum momento o valor do auxílio moradia para financiar o seu apartamento, ele negou. "Como eu estava solteiro naquela época, esse dinheiro de auxílio moradia eu usava pra comer gente. Tá satisfeita agora ou não? Você tá satisfeita agora?", questionou o deputado. Depois, ele alegou que usou o dinheiro, entre outras finalidades, para pagar diárias em hotéis quando viajava. 

Suspeita de fraude

Após a divulgação de que o Coaf, órgão do Ministério da Fazenda, suspeita de fraude na compra de propriedades do deputado Jair Bolsonaro (PSC-RJ), o parlamentar publicou na sua página de Facebook, nesta segunda-feira (08), um vídeo “resposta”. Nele, o deputado afirma que a denúncia já havia sido arquivada, em novembro de 2017, pelo então procurador geral da República, Rodrigo Janot, “por não conter indícios mínimos que apontem para qualquer ato delituoso da minha parte”. O deputado ainda deixou um recado para aqueles que, segundo ele, tentariam “denegrir sua imagem”. “A esses que tentam denegrir minha imagem, não vão conseguir me colocar na vala comum dos demais que estão por aí”, afirmou.


Recomendados para você


Comentários

Por Cesar,12/01/2018

Boa Bolsonaro!!! Vamos pra cima dessa esquerda brasileira milionária, Folha de SP, rede Globo, PT, PMDB, PSDB, MST, etc...etc...etc. Isso tudo é porque eles tão com medo de perder a boquinha, que já dura uns 30 anos. Tamos com você e vamos vencer as eleições, chega dos mesmos.

Por Tereza,12/01/2018

Em momento algum ele negou que o imóvel seja como faz o "alcoolatra de garanhuns"

Por HUGO,12/01/2018

Meu querido ele só estava sendo irônico com essa mídia tendenciosa, querem manchar a reputação do FUTURO PRESIDENTE, mas é melhor JAIR se acostumando ! kkkkkkkkkkkkkkk isso é DESESPERO kkkkkkkkk

Por dinho,12/01/2018

Concordo com tudo que falaram desse verme oportunista criado pela mídia e chamado Jair Bolsonaro. Ter essa horrível opção para votar como presidente da republica é chegar a conclusão de que o Brasil esta mesmo no fundo do poço e que só os marginais engravatados estão se apresentado para mais uma vez enganar o povo. Não dá pra engolir esse marginal sem escrúpulos e respeito ao pais.

Por renato,12/01/2018

IMAGINEM ESSE INDIVIDUO EDUCADO COMO ELE É SENDO PRESIDENTE DA REPUBLICA. TEM QUE CONSTRUIR HARAS NO PALÁCIO DO PLANALTO.



Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

JC RECALL DE MARCAS PREMIA AS MAIS LEMBRADAS DO ANO JC RECALL DE MARCAS PREMIA AS MAIS LEMBRADAS DO ANO
Pitú, Vitarela (macarrão) e Honda (motos) foram as três marcas mais lembradas pelo público pernambucano, segundo pesquisa realizada pelo Instituto Harrop em parceria com o Sistema Jornal do Commercio de Comunicação (SJCC)
JC no Mundial JC no Mundial
Em meio a um cenário conturbado na política internacional, a Rússia espera ser o grande centro das atenções neste mês de junho, quando irá sediar pela primeira vez em sua história uma Copa do Mundo de futebol. Aqui você confire tudo sobre o Mundial.
Reinventar Reinventar
A velocidade na criação de novidades tecnológicas nos faz pensar que o futuro é todo dia. E nós também precisamos sair do lugar. No mercado de trabalho, o impacto dessas transformações exige a capacidade de se reinventar. Veja o que o futuro lhe reserva

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2018 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM