Jornal do Commercio
TURISMO

Em Cancún, rede Hard Rock Hotel aposta em música para atrair turistas

Uma das praias mais charmosas da costa mexicana abriga um hotel cujo rock'n roll permeia cada detalhe

Publicado em 12/06/2016, às 07h38

Hotek tem 600 quartos e seis restaurantes, além de sete bares / Foto: Divulgação Hardrock Cancun
Hotek tem 600 quartos e seis restaurantes, além de sete bares
Foto: Divulgação Hardrock Cancun
Marcela Balbino

Uma entrada em forma de guitarra sinaliza o que vem a caminho. Letras de clássicos do rock estão expostas em cada parte do Hard Rock Hotel Cancún, no Estado de Quintana Roo, México. Quadros, fotografias, instrumentos e roupas usadas por ícones da cultura pop, como Elvis Presley e Prince, permitem que o hóspede experimente a música em todos os sentidos. Localizado às margens de uma das praias mais charmosas da costa mexicana, o hotel encontra na música o principal canal de comunicação com os turistas - o tom é mais calmo nos restaurantes e se eleva na piscina de borda infinita, estrategicamente voltada para o mar azul-turquesa.

Nada no Hardrock é feito à revelia. Há alguém estrategicamente designado para pensar e montar a trilha sonora. O gerente de vibe, Sasha Cuevas, é a pessoa por trás das playlists e responsável por captar o feeling de cada ambiente. “Não é só a estrutura. Temos um conceito de hospedagem. É a música que nos une aos nossos hóspedes e nos diferencia”, explicou Verónica Bazan, gerente de vendas da América Latina. O hotel é parte das unidades all inclusive da marca Hard Rock.

Ao percorrer as dependências do hotel, é possível ver uma infinidade de artigos e roupas de ícones do rock'n roll, no ambiente que se chama memorabilia.

A experiência musical, diferencial da marca, vai além dos ambientes decorados. Com o programa Music Lab, os hóspedes podem gravar clipes cantando a música favorita, mixar sons e até formar uma banda. Para quem viaja em família, há o projeto Jam Band, uma espécie de ‘garagem’ onde as bandas podem ensaiar e decidir o repertório para depois se apresentar para todo o complexo hoteleiro.

Já o programa Spin Session ensina a sobrepor melodias e dar efeitos a outras músicas. Por último, o projeto RockTube disponibiliza todas as imagens da experiência numa espécie de clipe, que é enviado para quem topou o desafio de encarar o palco. 

Vista do mar do Hardrock hotel Cancun

Um vídeo publicado por Marcela Balbino (@celabalbis) em Mai 31, 2016 às 6:11 PDT

 

Ao todo, são 600 quartos e uma média de 1.200 hóspedes circulando diariamente. Americanos são maioria, mas o percentual de latinoamericanos (15%) tem aumentado. Desse total, 8% são brasileiros. As diárias são all-inclusive e os pacotes para três noites saem por R$ 7 mil, em média. A taxa dá direito a café da manhã, almoço, jantar, lanches, bebidas e serviço 24 horas no quarto.

Se sua meta é não apenas se sentir como uma estrela do rock, mas comer como tal, o Hard Rhardock tem seis restaurantes - do mexicano ao japonês, passando pelas cozinhas internacional e brasileira. Tudo incluído na diária. Há ainda sete bares à disposição daqueles que não dispensam bons drinks, sejam mojitos ou tequilas.

Quando ir?

A alta temporada  vai de 24 de dezembro até 4 de janeiro. A baixa temporada é entre 21 de agosto e 31 de outubro. Para garantir o sucesso do passeio, é bom lembrar que a temporada de chuvas persiste do fim de agosto até meados de dezembro.


Galeria de imagens

Legenda
Anteriores
Próximas

*A repórter viajou a convite da Copa Airlines, do Conselho de Promoção Turística do México, do OVC Cancún e do Hard Rock Hotel Cancún

Palavras-chave

Recomendados para você




Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

O Mundo de Rafa O Mundo de Rafa
Rafael foi diagnosticado com síndrome de Asperger apenas aos 11 anos. Seus desenhos contam pedaços muito importantes da sua história. Exprimem momentos de alegria, de comemoração e também de desabafo, de dor
Gastos dos parlamentares pernambucanos Gastos dos parlamentares pernambucanos
Os deputados federais da bancada pernambucana gastaram, no 1º semestre deste ano, R$ 5,1 milhões em verbas de cotas parlamentares. Já os senadores gastaram R$ 692 mil. Os dados foram coletados com base no portal da transparência da Câmara e do Senado
Um metrô ainda renegado Um metrô ainda renegado
São 32 anos de operação e uma eterna luta por sobrevivência. Esse é o metrô do Recife

    LOCALIZAÇÃO

  • Rua da Fundição, 257 Santo Amaro, Recife - PE
    CEP: 50040-100
  • assinejc.com.br
  • (81) 3413-6100

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2017 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM