Jornal do Commercio
LANÇAMENTO

Renault lança Captur 1.6 automático para alavancar as vendas

Marca francesa espera que esta seja a versão mais vendida do seu SUV

Publicado em 22/06/2017, às 13h13

Captur 1.6 usa o mesmo câmbio automático do Nissan Kicks e custa a partir de R$ 84.900 / Divulgação
Captur 1.6 usa o mesmo câmbio automático do Nissan Kicks e custa a partir de R$ 84.900
Divulgação
Edilson Vieira
Repórter de Veículos

NITERÓI (RJ) - O Captur agora tem opção de câmbio automático para as versões equipadas com motor 1.6. Antes, apenas o modelo 2.0 contava com a caixa automática. Por R$ 84.900 é possível levar para casa o Captur 1.6 Zen X-Tronic, de 120 cavalos de potência. A versão Zen – com interior bicolor e mais equipada – custa R$ 88.400 também 1.6 automática. Mas faz sentido oferecer esse sistema no Captur com motor menor? “Faz todo, principalmente, se o proprietário rodar muito nos centros urbanos. Ele terá conforto com economia de combustível”, diz Dimitri Busianov, gerente de produto da Renault. A marca, inclusive, espera que as novas versões sejam a preferida da linha Captur, respondendo por 60% das vendas.



RENAULT


Galeria de imagens

Legenda
Anteriores
Próximas

Enquanto o Captur 2.0 tem um sistema de câmbio automático de quatro marchas, o Captur 1.6 utiliza mecânica mais moderna. A caixa do tipo CVT é a mesma utilizada pelo Nissan Kicks. No lugar de engrenagens, ela tem uma correia que desliza por polias que variam de tamanho conforme a aceleração. É um sistema menor e mais leve que o câmbio automático tradicional. O resultado é um desempenho mais suave. A Renault organizou um test-drive dentro da cidade carioca de Niterói. Pegamos alguns trechos de trânsito pesado; algumas subidas, e o Captur 1.6 automático se saiu muito bem. Dá até para pensar porque alguém ainda escolheria o modelo com câmbio manual, tal o conforto. O carro tem porte e presença. E chama atenção nas ruas. O consumo na cidade ficou em torno dos 10,5 km/litro.

O repórter viajou a convite da Renault


Recomendados para você




Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

Educação, emprego e futuro Educação, emprego e futuro
Investir em educação é um pressuposto para o crescimento econômico, a geração de empregos e o aumento da renda. Aos poucos, empresas dos mais variados setores entram numa engrenagem antes formada apenas pelo poder público.
Pernambuco Modernista Pernambuco Modernista
Conheça a intimidade de ateliês, no silêncio de casas, na ansiedade de pincéis sujos para mostrar como, quase nonagenária, a terceira grande geração da arte moderna de Pernambuco vai atravessando as primeiras décadas do século 21
A crise que adoece A crise que adoece
Além dos índices econômicos ruins, a recessão iniciada em 2014 no Brasil cria uma população mais doente, vítima do estresse causado pela falta de perspectivas. A pressão gera problemas psicológicos e físicos, que exigem atenção.

    LOCALIZAÇÃO

  • Rua da Fundição, 257 Santo Amaro, Recife - PE
    CEP: 50040-100
  • assinejc.com.br
  • (81) 3413-6100

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2017 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM