Jornal do Commercio
MANUTENÇÃO

Como cuidar da suspensão do carro com tantos buracos nas ruas

Sistema de suspensão sofre com a buraqueira que compromete até a segurança do veículo

Publicado em 03/08/2017, às 10h02

Movimento nas oficinas especializadas aumenta com o inverno / Filipe Jordão/JC Imagem
Movimento nas oficinas especializadas aumenta com o inverno
Filipe Jordão/JC Imagem
Editoria de Veículos

É justamente no fim do inverno que o movimento nas oficinas mecânicas especializadas em suspensão aumenta. O motivo? A enorme quantidade de buracos que, literalmente, brotam do chão, ameaçando a paciência dos motoristas e testando o limite de resistência das peças do carro. “A maior parte dos nossos clientes faz manutenção preventiva mas neste período do ano atendemos muitos casos de socorro mecânico; gente que fica na estrada com o carro danificado”, conta Aletéia Abreu, proprietária da oficina Max Troc Bosch Car Service, localizada no bairro da Madalena, no Recife.

SUSPENSÃO

Aletéia mostra o caso do proprietário de um Corolla 2017, com apenas 10 mil km rodados. Ao trafegar pela BR-101 Norte, em um trecho bastante acidentado na altura da cidade de Abreu e Lima, ele danificou de uma vez só um amortecedor, o braço axial da suspensão e cortou os dois pneus do lado esquerdo. O conserto ficou em R$ 2 mil. Molas e amortecedores são as peças que mais sofrem com a péssima qualidade do asfalto de nossas ruas mas também rodas, bandejas, pivôs e até a caixa de direção do automóvel são afetados pela pancada quando o carro cai em um buraco.



Infográfico

CUIDADOS COM A SUSPENSÃO

“O tamanho do estrago vai depender da velocidade do veículo, do peso que ele estiver carregando e a profundidade do buraco”, diz Aletéia. O resultado de rodar por vias esburacadas pode ser uma simples direção desalinhada, que, num carro popular custa cerca de R$ 40 o ajuste, até casos mais graves como a quebra da própria caixa de direção cuja troca pode custar cerca de R$ 2 mil. A empresária alerta para os sinais que o veículo dá ao ter algum componente danificado, como a direção “puxando” para um dos lados ou barulhos metálicos vindos da suspensão. Caso isto aconteça é bom procurar uma oficina antes que outras peças sejam danificadas. Veja no infográfico mais dicas para cuidar da suspensão do veículo.


Recomendados para você




Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

Educação, emprego e futuro Educação, emprego e futuro
Investir em educação é um pressuposto para o crescimento econômico, a geração de empregos e o aumento da renda. Aos poucos, empresas dos mais variados setores entram numa engrenagem antes formada apenas pelo poder público.
Pernambuco Modernista Pernambuco Modernista
Conheça a intimidade de ateliês, no silêncio de casas, na ansiedade de pincéis sujos para mostrar como, quase nonagenária, a terceira grande geração da arte moderna de Pernambuco vai atravessando as primeiras décadas do século 21
A crise que adoece A crise que adoece
Além dos índices econômicos ruins, a recessão iniciada em 2014 no Brasil cria uma população mais doente, vítima do estresse causado pela falta de perspectivas. A pressão gera problemas psicológicos e físicos, que exigem atenção.

    LOCALIZAÇÃO

  • Rua da Fundição, 257 Santo Amaro, Recife - PE
    CEP: 50040-100
  • assinejc.com.br
  • (81) 3413-6100

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2017 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM