Jornal do Commercio
denúncia

Ocupação irregular na orla de Olinda

Cadeiras e mesas de bares tomam conta do espaço

Publicado em 10/02/2016, às 12h01

Acesso fica restrito a clientes / Evaldo Blera/via comuniQ

Acesso fica restrito a clientes

Evaldo Blera/via comuniQ

Evaldo Blera

Na orla de Olinda, os donos de bares e restaurantes se acham no direito de ocupar o espaço de domínio público. Ocupam os espigões e expulsam as pessoas que ali se encontram.


Palavras-chave


Comentários

Por Lino Santos,12/04/2016

É preciso uma ação urgente da Polícia contra esse pichadores, ninguém aguenta mais esse vandalismo, suja nossa cidade e ninguém faz nada.

Por Lino Santos,12/04/2016

Na rua Ema em Ouro Preto não tem água, os moradores estão apavorados e pede socorro a COMPESA.

Por Sílvio,11/02/2016

Prefeito e vereadores tenham respeito à população de Olinda e aos visitantes. Coloquem em valor de multa alto por cada mesa instaladas nestes locais públicos.

Por Armando Mesquita Filho,11/02/2016

Não podemos esperar outra coisa de um prefeito ausente e se tratando de quem ele é irmão. Os banheiros construídos ao longo da orla, é para uso de barraqueiros ou seja, só tem acesso quem estiver usando as referidas barracas, o cidadão não pode utilizar. E uma administração muita safada.

Por Ricardo,11/02/2016

Se existisse prefeito ou ordem em Olinda, não teria problema se isso fosse regulamentado e quem ocupa espaço público pagasse pela locação. Faz anos que estão ocupando os diques e prefeitura nem dá satisfação do que ta havendo. Tem vereador pra fiscalizar? Parece que não.



Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

Marcas do medo Marcas do medo
Mais do que um saldo de 4,1 mil mortos até setembro de 2017, a violência em PE deixou uma população inteira refém do medo. Sentimento sem cara ou forma, que faz um número cada vez maior de vítimas no Estado. Medo de sair de casa, de andar nas ruas
Great Place to Work 2017 Great Place to Work 2017
Conheça agora as 30 melhores empresas para trabalhar em Pernambuco, resultado de uma pesquisa feita pela Grat Place to Work, instituição com credibilidade de 25 anos, em 57 países, envolvendo anualmente sete mil empresas e 12 milhões de colaboradores
#ACulpaNãoÉDelas #ACulpaNãoÉDelas
Histórias de mulheres que passaram anos sendo agredidas por seus parceiros e, com medo, permaneceram em silêncio. Essa série de reportagem discute novos olhares no enfrentamento às agressões contra a mulher, até porque a culpa não é delas

    LOCALIZAÇÃO

  • Rua da Fundição, 257 Santo Amaro, Recife - PE
    CEP: 50040-100
  • assinejc.com.br
  • (81) 3413-6100

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2017 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM