Jornal do Commercio
PROJETO

Motoristas com carro automático podem ganhar CNH específica

Comentários

Por Cinquenta + 1,08/12/2017

Meu veículo e movido a álcool e o motorista também. Será obrigatório registrar esse detalhe na CNH? E também será obrigado colocar marca predileta da marcada?

Por Papirando,08/12/2017

Daqui a pouco vai ter CNH por marca de veículo. É muita coisa criada para roubar o dinheiro do povo!

Por cristiano,08/12/2017

isso e pra eles poderem roubar mais.

Por Ricardo,07/12/2017

Ahhh... mas é tão difícil para as ANTAS dirigirem um carro automático... Eu aprendi a guiar em Kombi aos 12-13 anos, alguns carros que guiei no começo dos anos 60 nem tinham a 1ª marcha sincronizada, não tinham freios a disco, não tinham ABS, HSD, WRG, eu não tinha CNH nem CPF, não tinham raio negativo de rolagem, não tinham barra estabilizadora, retrovisor só do lado esquerdo, pneus eram diagonais, direção era a pinhão e cremalheira e só ANTAS sofriam acidentes, as mesmas antas de hj em dia ou seus descendentes.

Por Jotape,07/12/2017

Continuando. Tenho um carro mecânico que uso para trabalho (SP Capital), minha esposa tem um automatico (PCD), qdo é dia de rodizio na Capital uso o dela - Automático. e aí ? Será que estas ANTAS não tem capacidade de raciocinar, ou acham que os brasileirinhos só podem ter um carro em sua garagem? Alô votantes de Rondonia e Rio de Janeiro dão um jeito nesses caras.

Por Jotape,07/12/2017

Caro Jota Borges. Em qualquer Auto Escola que você vá, eles tem Carros mecânicos e Automaticos, faça aulas alternadas com os veículos e pronto solucionada as possíveis dificuldades. Mas não impor aos infelizes brasileiros optar por comprar um carro ou outro em função das opções. Vale lembrar que tb. existem custos diferentes para comprar um ou outro. Se hoje compro um Mecânico por somente ter dinheiro para este, amanhã melhoro minha vida, e aí, tenho que continuar enfiando o pé na embreagem?

Por diogo,07/12/2017

Brasileiro é uma raça desgraçada de burra. A maioria das antas aqui nem leu a matéria e quem leu, não entendeu. A proposta é positiva. Desobriga o condutor de saber dirigir carro manual. Se a pessoa quiser dirigir apenas carro at, vai tirar CNH apenas para carro at. Se ela quiser dirigir os dois, tira a CNH normal. Mas essa merda de lugar é um lixo por causa dessa gente burra que reclama até do que nao sabe.

Por Jotape,07/12/2017

Atenção para o nome dos "gênios", para não falar outra coisa: Deputada Mariana Carvalho (PSDB - RO), Deputado Hugo Leal (PSB- RJ), Vai mal em "cumpanheiros".

Por Jota Borges,07/12/2017

Vejo isso como uma tendência, como acontece em países avançados cada vez mais o consumidor faz opção por veículos automáticos. Empresas preferem os caminhões e ônibus automáticos. Quem conhece e guia carros sabe que o cambio automático tem as suas particularidades, não é somente acelerar e parar. Quem não quer lidar com embreagem deveria ter o treinamento e por que não habilitação especificas.

Por Jotape,07/12/2017

Infelizmente alguns ou muitos políticos para não dizer que não fizeram nada, fazem propostas imbecis como esta. Não teem a mínima idéia das consequencias. Ex. Um motorista de ônibus, vai com seu carro automatico para o seu trabalho e aí pega seu coletivo mecânico para para trabalhar. E aí seus montes de _____.



Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

JC RECALL DE MARCAS PREMIA AS MAIS LEMBRADAS DO ANO JC RECALL DE MARCAS PREMIA AS MAIS LEMBRADAS DO ANO
Pitú, Vitarela (macarrão) e Honda (motos) foram as três marcas mais lembradas pelo público pernambucano, segundo pesquisa realizada pelo Instituto Harrop em parceria com o Sistema Jornal do Commercio de Comunicação (SJCC)
JC no Mundial JC no Mundial
Em meio a um cenário conturbado na política internacional, a Rússia espera ser o grande centro das atenções neste mês de junho, quando irá sediar pela primeira vez em sua história uma Copa do Mundo de futebol. Aqui você confire tudo sobre o Mundial.
Reinventar Reinventar
A velocidade na criação de novidades tecnológicas nos faz pensar que o futuro é todo dia. E nós também precisamos sair do lugar. No mercado de trabalho, o impacto dessas transformações exige a capacidade de se reinventar. Veja o que o futuro lhe reserva

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2018 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM