Jornal do Commercio
Notícia
ONU

Em Madri, Geraldo Julio se reúne com líderes da América Latina na COP 25 para tratar de ações climáticas

O gestor debateu com representantes de nove países da América Latina propostas e ações climáticas promovidas pelas cidades em questão

Publicado em 08/12/2019, às 18h31

Geraldo Julio debateu ações e uma agenda climática com representantes de países da América Latina / Foto: Divulgação
Geraldo Julio debateu ações e uma agenda climática com representantes de países da América Latina
Foto: Divulgação
JC Online

O prefeito da cidade do Recife, Geraldo Julio, participou neste domingo (8) da Conferência das Partes da Organização das Nações Unidas (ONU) sobre o Clima (COP25), em Madri, na Espanha. No encontro, o gestor debateu com representantes de nove países da América Latina propostas e ações climáticas promovidas pelas cidades em questão, a participação de atores internacionais como instituições financeiras nesta ações, além de aplicação de uma agenda climática.

Na reunião,Geraldo Julio evidenciou ações que fizeram Recife se destacar no tema e que culminou na liderança da Rede ICLEI na América Latina. Segundo o Painel Intergovernamental de Mudança Climática (IPCC), o Recife está entre as 16 cidades mais vulneráveis do mundo para os efeitos da Mudança Climática.

Entre os objetivos da agenda de ação dos governos locais da América Latina está a busca por financiamento internacional para desenvolver mais ações nas cidades. Segundo o prefeito Geraldo Julio a descentralização de investimentos públicos e privados são essenciais para que os governos locais consigam colocar em prática projetos nas áreas de mobilidade, resíduos sólidos, por exemplo.



Além de Geraldo Julio, participaram da reunião Fernando Rodriguez, de Santo Domingos (Chile), Verny Valerio, de San Rafael de Heredia (Costa Rica), Claudio Castro de  Renca (Chile), Dionísio Scarpin, de Avellaneda (Argentina), Nasry Asfura, de Tegucigalpa (Honduras) e Gonzalo Durán de Independência (Chile).

Recife se destacando no cenário internacional

Em novembro deste ano, a cidade do Recife sediou a primeira Conferência Brasileira de Mudança do Clima. Na ocasião, a prefeitura anunciou um pacote de medidas como o lançamento do Plano de Adaptação Climática do Recife, o decreto que declara o Reconhecimento à Emergência Climática Global pelo Município do Recife e a inclusão na grade curricular da rede pública de ensino a matéria Sustentabilidade e Emergência Climática. 

Além destas medidas, outros antos, anunciados anteriormente, visam deixar a cidade mais sustentável. A expansão da iluminação em LED na cidade, o projeto de Energia Limpa que será implantado no Hospital da Mulher do Recife e a Maratona Verde, que plantou 10 mil árvores em uma semana, são algumas destas ações implantadas pela prefeitura.




Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.

OFERTAS

Especiais JC

Irmã Dulce e as lições que se multiplicam Irmã Dulce e as lições que se multiplicam
A Santa Dulce dos Pobres deixou um legado enorme por todo o país, e não poderia ser diferente em Pernambuco. Veja exemplos de quem segue o "anjo bom da Bahia"
Jackson era grande demais para um pandeiro Jackson era grande demais para um pandeiro
Em pouco tempo, Jackson do Pandeiro deixou claro que não se tratava apenas de uma voz a mais no cenário artístico pernambucano. Confira especial sobre o artista
Especial Novo Clima Especial Novo Clima
O inverno não é mais o mesmo. E nem o verão. Os efeitos da crise climática alteraram a rotina de milhares de cidadãos das grandes cidades. O JC traz reportagens especiais desvendando o "novo clima"

    SIGA-NOS

    LICENCIAMENTO

  • Para solicitação de licenciamento, contactar editores@ne10.com.br

Jornal do Commercio 2020 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE |

PRIVACIDADE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM