Jornal do Commercio
Notícia
PROVAS

Dia de vestibular do SSA é de prova para pais e filhos

Cerca de 40 mil jovens de Pernambuco iniciaram uma maratona de questões em busca da tão sonhada vaga na UPE

Publicado em 01/12/2019, às 12h38

Movimentação intensa em frente ao Sizenando Silveira / Foto: Lucas Moraes/JC
Movimentação intensa em frente ao Sizenando Silveira
Foto: Lucas Moraes/JC
Lucas Moraes

Neste domingo (1º), cerca de 40 mil jovens de Pernambuco iniciaram desde cedo uma maratona de questões em busca da tão sonhada vaga na Universidade de Pernambuco (UPE). Alunos do primeiro e segundo ano do ensino médio de escolas públicas e privadas do Estado, os adolescentes com média de idade entre 14 e 15 anos foram submetidos a provas de língua portuguesa, matemática, física, língua estrangeira (inglês ou espanhol) e filosofia, enquanto os pais, do lado de fora dos locais de prova, enfrentavam também uma prova contra a ansiedade e o relógio.

Durante a manhã, das 8h15 às 12h15, foram aplicadas as provas dos alunos do primeiro ano do ensino médio. Só eles representam um universo de 28,9 mil alunos, dos quais 8%, ou seja, 2,3 mil faltaram às provas deste domingo. Para não correr o risco da filha estar entre os faltosos,a mãe Simone Reis, 41 anos, saiu de Jardim Atlântico, onde mora em Olinda, às 6h.

"A gente pegou um Uber, justamente para chegar bem tranquilo. Saímos muito cedo já para evitar algum transtorno na rua", conta ela, que ficou em frente à escola Sizenando Silveira, local de prova da filha, até as 11h30. "É importante estar aqui para dar uma forcinha para eles, mas graças a Deus ela disse que a prova foi muito boa", comemora a mãe.

Aos 16 anos, esse foi o primeiro vestibular prestado por Maria Helena Reis, que quer cursar fisioterapia após finalizar o ensino médio. "Esse primeiro dia de prova foi tranquilo. Os testes na escola eram muito parecidos com o jeito da prova aqui. Só física e matemática que foram mais difíceis, mas o resto foi tranquilo. Esse modelo do SSA (vestibular por etapa) acho muito mais fácil para você conseguir entrar na faculdade", diz a adolescente.

A mesma avaliação sobre a prova foi feita pelo estudante Arthur Pereira de Nascimento, 15 anos. "Eu achei muito tranquilo, principalmente a prova de Humanas. Para amanhã, a expectativa está muito mais alta, porque prefiro os conteúdos", ressalta o adolescente, que pretende cursar Tecnologia da Informação.



Ao lado dele, a mãe, Rosineide Maria do Nascimento, 46 anos, reforçava a necessidade do apoio moral e psicológico dos pais nesse momento tão decisivo. "Eu arranjei uma carona para ele, e vim atrás, de ônibus. É muito importante vir e estar aqui enquanto ele faz a prova, para dar apoio", enfatiza.

SSA 2

A partir das 14h15 (fechamento dos portões às 14h), começa as provas para os estudantes do 2º ano do ensino médio. Pouco mais de 19, 6 mil adolescentes devem fazer as provas que também são de língua portuguesa, matemática, física, língua estrangeira (inglês ou espanhol) e filosofia.

Findada a aplicação deste domingo, às 18h15, será a vez dos alunos se prepararem para responder a 46 questões das disciplinas de biologia, química, história, geografia e sociologia nesta segunda-feira (2).

Nesse caso, os alunos do SSA1 realizam os testes das 8h15 às 12h15, enquanto os do SSA2 fazem as provas das 14h15 às 18h15, e os portões serão fechados às 14h. Os estudantes terão quatro horas para fazer responder as provas e poderão sair das salas após três horas de início dos testes. O desempenho individual dos estudantes nas duas fases será divulgado até o dia 15 de março de 2019, apenas no sistema de inscrição.

Palavras-chave




Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.

OFERTAS

Especiais JC

Irmã Dulce e as lições que se multiplicam Irmã Dulce e as lições que se multiplicam
A Santa Dulce dos Pobres deixou um legado enorme por todo o país, e não poderia ser diferente em Pernambuco. Veja exemplos de quem segue o "anjo bom da Bahia"
Jackson era grande demais para um pandeiro Jackson era grande demais para um pandeiro
Em pouco tempo, Jackson do Pandeiro deixou claro que não se tratava apenas de uma voz a mais no cenário artístico pernambucano. Confira especial sobre o artista
Especial Novo Clima Especial Novo Clima
O inverno não é mais o mesmo. E nem o verão. Os efeitos da crise climática alteraram a rotina de milhares de cidadãos das grandes cidades. O JC traz reportagens especiais desvendando o "novo clima"

    SIGA-NOS

    LICENCIAMENTO

  • Para solicitação de licenciamento, contactar editores@ne10.com.br

Jornal do Commercio 2020 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE |

PRIVACIDADE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM