Jornal do Commercio
patrimônio

Projeto quer tombamento de painel de Brennand

A Batalha dos Guararapes, colocado no Centro do Recife, está abandonado

Publicado em 03/05/2013, às 06h02

Parte de baixo do painel está quase apagada / Priscilla Buhr/JC Imagem
Parte de baixo do painel está quase apagada
Priscilla Buhr/JC Imagem
Camilla Figueiredo
cfigueiredo@jc.com.br

O descaso com o mural de cerâmica A Batalha dos Guararapes, no Edifício Tiradentes, na Rua das Flores, Centro do Recife, pode estar com os dias contados. Um projeto de preservação será desenvolvido pelo curador da Festa Literária Internacional de Pernambuco (Fliporto), Antônio Campos, e vai pedir que a obra do artista plástico Francisco Brennand seja tombada como patrimônio pelo Estado.

O painel, feito em 1961, está com a parte inferior quase apagada pela sujeira e pelo desgaste provocado pela água que cai dos aparelhos de ar-condicionado. Teoricamente, seria de responsabilidade do prédio onde está instalado.
“O mural é uma das criações mais importantes de Francisco Brennand. Como a Fliporto está tornando-se um programa permanente de valorização da cultura local, temos o dever de olhar pelas obras mais desprotegidas também”, explicou Campos.



A cena ocupa uma área de 75 metros quadrados e retrata o episódio histórico que resultou na expulsão dos holandeses das terras pernambucanas. Foi encomendada pelos irmãos mineiros Aloísio e Gilberto Farias, donos do Banco da Lavoura de Minas Gerais, que na época funcionava no prédio.

Em 2006, a administração do banco Santander, em cuja parede lateral está a obra, adotou um projeto do chargista e arquiteto Ronaldo Câmara para valorizar o lugar. “Eles investiram em coberta, canteiro de seixos abaixo da obra para evitar que as pessoas chegassem tão perto. Durou só uns anos e o povo começou a depredar o que havia sido feito”, comentou Câmara. Hoje, os únicos sinais da estrutura montada são o passeio quebrado e buracos na parede.

Leia mais na edição do JC desta sexta (3)





Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

Segunda chance - Caminhos para ressocializar Segunda chance - Caminhos para ressocializar
Eles saem das prisões, mas as prisões não saem deles. Perseguem-nos até o final de suas vidas. Como uma condenação perpétua. Pena. Eles lamentam. Mas precisam seguir. E neste difícil caminho da ressocialização, o trabalho é uma espécie de absolvição.
Papai Noel o ano inteiro Papai Noel o ano inteiro
As luzes na cidade anunciam que o Natal já chegou. É nesta época do ano que o espírito natalino faz aflorar alguns dos sentimentos mais nobres. Agora iremos contar histórias de pessoas, organizações e empresas que fizeram da solidariedade missão de vida
Vida fit todo dia Vida fit todo dia
Apesar de a abertura do Verão no Brasil só acontecer em dezembro, no Nordeste há uma antecipação da data. Por esse motivo, que tal aproveitar esses meses de energia para cultivar bons hábitos e mudar o estilo de vida? Veja várias dicas de como se cuidar

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2019 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM