Jornal do Commercio
Descarga elétrica

Menino de 9 anos morre eletrocutado em São José da Coroa Grande

Garoto foi buscar a bola que caiu numa casa vizinha e os donos da residência deixavam um fio de eletricidade encostado como uma cerca elétrica

Publicado em 24/10/2017, às 21h44

O menino morreu na hora após sofrer a descarga elétrica / Foto: acervo pessoal
O menino morreu na hora após sofrer a descarga elétrica
Foto: acervo pessoal
JC Online

Um garoto de nove anos morreu eletrocutado na noite desta terça-feira (24) em São José da Coroa Grande, no Litoral Sul pernambucano. O menino José Marcelo Ferreira Cruz estaria jogando futebol com amigos na Rua 19 de Março quando a bola caiu numa casa vizinha. Ao pular o muro para resgatar o brinquedo, ele encontrou em armações de ferro que estavam com corrente elétrica, uma espécie de cerca elétrica improvisada.

De acordo com a Polícia Militar, o proprietário da casa onde havia a corrente elétrica deixava um fio de alta tensão, puxado diretamente do poste, encostado em varas de ferro e até uma cadeira de metal forma de repelir bandidos e pessoas "indesejadas". O menino morreu no local, por volta das 18h, após receber a descarga elétrica. Os vizinhos tentaram socorrer o menino, levando ele até o posto médico da cidade, mas a criança já chegou sem vida. A população, revoltada, tentou entrar na residência para depredar o local, mas um efetivo do 10º Batalhão da Polícia Militar impediu.



Tentativa de fuga

Ainda segundo informações da polícia, o dono da residência, identificado como Benedito José de Oliveira, 54 anos, tentou fugir, mas foi capturado e levado para a Delegacia de Plantão de Palmares, na Zona da Mata Sul do Estado. O homem será autuado em flagrante por homicídio. Segundo informações do Tenente Andrade, o suspeito apresenta distúrbios mentais e já tinha sido internado por 40 dias após solicitação da própria PM local. Benedito seria conhecido na localidade por ameaçar pessoas com facas. O corpo da criança será encaminhado para o Instituto de Medicina Legal do Recife, no bairro de Santo Amaro, área central da capital pernambucana.


Recomendados para você


Comentários

Por ALEXSANDRO GOMES DIAS,25/10/2017

FATO TRISTE MAIS O QUER VEMOS HOJE ISSO FALTA SEGURANÇA TEMOS DE FICAR TRANCADO EM CASA COM FALTA SEGURANÇA PUBLICAR MUROS ALTO CERCA GRAMPOS TUDO PRA IMPEDIR QUER LADROES ENTRE NA CASA DA GENTE

Por gerson,25/10/2017

O Dono da casa era deficiente mental né ? porque ele próprio não pegou na grade eletrificada para morrer e não um inocente ?? agora ele é doido, antes não era né ??

Por Luiz Félix de Freitas Silva,25/10/2017

Que esse tal de Benedito, desgraçado, infeliz, maluco, seja logo enviado para as profundezas do inferno. Mais uma criança vítima de loucos. Luiz Félix.



Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

Especial educação Especial educação
E se você descobrisse que o futuro ligado às tendências que irão norteá-lo já chegou? O mundo hoje é um mar de oportunidades, para conhecimento, informação e inovação. Cada vez mais o profissional precisa evoluir. Por isso veja o caminho a seguir
A revolução da ciclomobilidade: o exemplo de Fortaleza A revolução da ciclomobilidade: o exemplo de Fortaleza
A capital cearense, diferentemente da pernambucana – embora nordestina também – deu um salto na infraestrutura viária voltada para as bicicletas. A cidade está repleta de ciclofaixas. Por toda parte. E a grande maioria conectada
Cantos e Recantos Cantos e Recantos
A temporada de sol está nos espreitando, e a Praia de Boa Viagem é sempre uma opção de passeio. Mas que tal ousar um pouquinho na quilometragem e desbravar outros destinos? Pernambuco tem muitos lugares fantásticos e você vai adorar o roteiro que o JC fe

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2018 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM