Jornal do Commercio
INVASÃO

Imóveis do ''Minha Casa Minha Vida'' são depredados em Arcoverde

Os imóveis ainda não haviam sido entregues aos beneficiários. Moradores do local, que já receberam as casas, denunciaram a investida

Publicado em 03/04/2018, às 09h30

150 casas do Residencial  Maria de Fátima Freire faltam ser entregues / Foto: Reprodução/Google Maps
150 casas do Residencial Maria de Fátima Freire faltam ser entregues
Foto: Reprodução/Google Maps
JC Online
Com informações da Rádio Jornal

Casas do conjunto habitacional Maria de Fátima Freire foram depredadas e roubadas, em Arcoverde, no Sertão de Pernambuco. Os imóveis, que pertencem ao programa Minha Casa Minha Vida, do Governo Federal, ainda estavam desocupados.

Na segunda-feira (2), moradores do residencial notaram que, as casas que ainda não haviam sido entregues, tiveram as portas arrombadas, janelas danificadas, vidros quebrados. Além disso, caixas d’água, aquecedores, pias, torneiras e vasos sanitários haviam sido roubados.

De acordo com a denúncia dos moradores, a suspeita é de que os autores da depredação sejam as famílias que não conseguiram moradia. Ainda denunciam que os suspeitos também ficam no local “tirando a paz e prejudicando as famílias” que já moram no local.



Nota da Prefeitura

Em nota, a prefeitura do município informou que algumas casas do conjunto habitacional faltam ser entregues por conta de uma pendência na documentação dos beneficiários. Mas, além do atraso da entrega de documentos, a prefeitura reconhece que  Banco do Brasil tem colocado dificuldades na solução da questão.

Também foi publicado pela prefeitura que a Secretaria de Assistência Social, juntamente com a assessoria jurídica, irão até São Paulo, resolver questões burocráticas no Centro Operacional Habitacional do Banco do Brasil (Cenop), para assim, entregar as mais de 150 casas que ainda faltam ser concedidas aos beneficiários.

Em relação à segurança cobrada pelos moradores do Maria de Fátima, a prefeitura destaca que a responsabilidade da defesa  e patrulha dos imóveis é da Polícia Militar.





Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.

OFERTAS

Especiais JC

Especial Nova Rotação Especial Nova Rotação
As cidades estão entrando em colapso. Refletem o resultado da mobilidade urbana convencional, um mal incorporado à sociedade e de difícil enfrentamento.Mas o momento de inverter essa lógica é agora. Criar uma nova rotação para as cidades, para as pessoas
JC Recall de Marcas 2019 JC Recall de Marcas 2019
Pitú e Vitarella são as marcas mais lembradas pelo consumidor pernambucano, de acordo com a edição 2019 do Prêmio JC Recall de Marcas. O ranking foi feito a partir de levantamento do Harrop Pesquisa para o Jornal do Commercio.
Especial Tempo de Férias Especial Tempo de Férias
O tempo das férias finalmente chegou e com ele os vários planos sobre o que fazer no período livre. O JC traz algumas dicas de como otimizar o período para voltar renovado do merecido descanso.

    SIGA-NOS

    LICENCIAMENTO

  • Para solicitação de licenciamento, contactar editores@ne10.com.br

Jornal do Commercio 2019 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE |

PRIVACIDADE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM