Jornal do Commercio
AMEAÇA

SDS recebe denúncia de ameaças contra funcionários da Celpe

A Companhia informou que os eletricistas estão sendo hostilizados durante as operações

Publicado em 19/06/2018, às 18h25

Celpe solicitou apoio policial para prosseguir com as atividades de regularização dos cabos / Foto: Reprodução/ Celpe
Celpe solicitou apoio policial para prosseguir com as atividades de regularização dos cabos
Foto: Reprodução/ Celpe
JC Online

A Companhia Energética de Pernambuco (Celpe) apresentou à Secretaria de Defesa Social (SDS) uma notícia-crime relatando ameças sofridas por eletricistas quando eles fazem a remoção de fiação clandestina de telefonia e telecomunicações. Segundo a Companhia, os eletricistas estão sendo hostilizados durante as operações de ordenamento de redes instaladas irregularmente. 

Diante das ameaças, a Celpe solicitou apoio policial para prosseguir com as atividades de regularização dos cabos. A empresa realiza, periodicamente, a fiscalização dos postes com a intenção de certificar se as empresas de telecomunicações possuem contrato e estão instalando corretamente os equipamentos.



Ao identificar cabos instalados clandestinamente, a concessionária realiza a remoção, com a finalidade de garantir a segurança da população e assegurar o suprimento de energia elétrica. No caso das operadoras que possuem contrato de compartilhamento dos postes, a companhia notifica as empresas para que regularizem a situação.

Postes não comportam instalação de outros fios

Ainda de acordo com a Celpe, em algumas áreas do Grande Recife, os postes estão saturados e não comportam mais a instalação de novos fios. Nas demais localidades, as operadoras interessadas em usar a estrutura da Celpe devem procurar a concessionária para formalizar projetos, em conformidade com as normas técnicas previstas na legislação.


Palavras-chave

Recomendados para você


Comentários

Por gustavo araujo ,20/06/2018

queria enfatizar que a imagem acima não e de funcionários da celpe. e sim de provedores que fizeram um mutirão de limpeza. e essa noticia é falsa. não esta havendo isso . saibam que em media 2 milhões de pernambucanos podem ficar sem acesso a internet. apõem nossa causa. somos varias empresas dentro do estado . já estamos tomando as medidas contra essa medida da celpe. a população sera prejudicada. todos os provedores ja estão reunidos pra lutar contra a causa.

Por Carlos,20/06/2018

A Celpe ao invés de se preocupar em modernizar o sistema dela embutindo essa fiarada, mostra que seu comprometimento é só de organizar a poluição visual que tem.

Por frederico beltrao,20/06/2018

Está correto . Deve ser comunicado à polícia essas ameaças . A gente paga uma energia caríssima , o governo da subsídio e os cidadãos não tão cidadãos nem energia querem pagar . Agora , alguém tem que dar umas aulas de bons modos à alguns empregados que vão às casa ou Prédios fazerem desligamentos por falta de pagamento . Certa feita , no meu prédio quando era síndico vieram nada menos que três desses digamos brutamontes , cheios de queixão querendo inclusive inspecionar instalções além de sua alçada . Um deles me fez pensar que ele achava que tinha algum "macaco" no meu prédio . Bem , eu simplesmente disse pra ele que se retirasse , pois caso contrário eu daria voz de prisão civil à ele . Agora , sempre que vem alguem da Celpe eu peço identificação funcional e carteira de identidade . Se insistirem em não mostrar os documentos eu chamo a polícia .......



Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

Vidas Compartilhadas Vidas Compartilhadas
O JC apresenta o mundo da doação e dos transplantes de órgãos pelas vozes de pessoas que ensinam, mesmo diante das adversidades, a recomeçar a vida quantas vezes for preciso.
JC RECALL DE MARCAS PREMIA AS MAIS LEMBRADAS DO ANO JC RECALL DE MARCAS PREMIA AS MAIS LEMBRADAS DO ANO
Pitú, Vitarela (macarrão) e Honda (motos) foram as três marcas mais lembradas pelo público pernambucano, segundo pesquisa realizada pelo Instituto Harrop em parceria com o Sistema Jornal do Commercio de Comunicação (SJCC)
JC no Mundial JC no Mundial
Em meio a um cenário conturbado na política internacional, a Rússia espera ser o grande centro das atenções neste mês de junho, quando irá sediar pela primeira vez em sua história uma Copa do Mundo de futebol. Aqui você confire tudo sobre o Mundial.

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2018 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM