Jornal do Commercio
Inauguração

Feira da Sulanca de Caruaru ganha núcleo de segurança

Novo espaço tem salas climatizadas, celas masculina e feminina, banheiros, copa e o Expresso da Moda

Publicado em 10/08/2018, às 18h46

Núcleo de segurança foi inaugurado nesta sexta / Jorge Farias/Divulgação
Núcleo de segurança foi inaugurado nesta sexta
Jorge Farias/Divulgação
Cidades

A Feira da Sulanca, em Caruaru, no Agreste do Estado, agora conta com um núcleo de segurança reunindo policiais militares, civis, federais, bombeiros e uma equipe da Destra, empresa que monitora 45 câmeras instaladas em todo o Parque 18 de Maio. Inaugurado nesta sexta, o novo espaço tem salas climatizadas, celas masculina e feminina, banheiros, copa e o Expresso da Moda. O funcionamento será sempre nos dias da feira.

O núcleo de Segurança é uma Parceria Público-Privada entre a Prefeitura de Caruaru, o Comando Presente (formado por entidades de classe, polícias e governo municipal) e a Feira da Fundac. “Foi uma ideia coletiva fazer esse espaço totalmente requalificado e dando qualidade para quem vem trabalhar aqui”, afirmou a prefeita Raquel Lyra. “Essa união vai garantir que o comércio de Caruaru possa continuar sendo forte e que o feirante possa se sentir seguro”.



O secretário extraordinário da feira, José Pereira, enfatizou a importância da iniciativa. “As Polícias e a Destra ficavam em contêineres, ocupando parte da rua. Agora, temos um espaço adequado e mais confortável para esses profissionais”, comemorou. “Tão importante quanto a estrutura física é a integração. Sempre que todos os órgãos de segurança estão integrados em um único espaço, a gente consegue oferecer um serviço de qualidade para o cidadão”, complementou o coronel da PM Giovane Augusto.

REQUALIFICAÇÃO

O Parque 18 de Maio também passará por nova etapa de requalificação. Raquel Lyra e o secretário de Urbanismo e Obras, Rodrigo Miranda, assinaram a Ordem de Serviço para a construção das calçadas e do recapeamento da mais famosa feira do país. A melhoria da mobilidade local inclui acessibilidade, sinalização, bancos, recuperação do asfato, implantação de locais de convivência e identidade visual para melhor identificação dos setores do local.


Recomendados para você




Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

Especial educação Especial educação
E se você descobrisse que o futuro ligado às tendências que irão norteá-lo já chegou? O mundo hoje é um mar de oportunidades, para conhecimento, informação e inovação. Cada vez mais o profissional precisa evoluir. Por isso veja o caminho a seguir
A revolução da ciclomobilidade: o exemplo de Fortaleza A revolução da ciclomobilidade: o exemplo de Fortaleza
A capital cearense, diferentemente da pernambucana – embora nordestina também – deu um salto na infraestrutura viária voltada para as bicicletas. A cidade está repleta de ciclofaixas. Por toda parte. E a grande maioria conectada
Cantos e Recantos Cantos e Recantos
A temporada de sol está nos espreitando, e a Praia de Boa Viagem é sempre uma opção de passeio. Mas que tal ousar um pouquinho na quilometragem e desbravar outros destinos? Pernambuco tem muitos lugares fantásticos e você vai adorar o roteiro que o JC fe

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2018 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM