Jornal do Commercio
Inauguração

Feira da Sulanca de Caruaru ganha núcleo de segurança

Novo espaço tem salas climatizadas, celas masculina e feminina, banheiros, copa e o Expresso da Moda

Publicado em 10/08/2018, às 18h46

Núcleo de segurança foi inaugurado nesta sexta / Jorge Farias/Divulgação
Núcleo de segurança foi inaugurado nesta sexta
Jorge Farias/Divulgação
Cidades

A Feira da Sulanca, em Caruaru, no Agreste do Estado, agora conta com um núcleo de segurança reunindo policiais militares, civis, federais, bombeiros e uma equipe da Destra, empresa que monitora 45 câmeras instaladas em todo o Parque 18 de Maio. Inaugurado nesta sexta, o novo espaço tem salas climatizadas, celas masculina e feminina, banheiros, copa e o Expresso da Moda. O funcionamento será sempre nos dias da feira.

O núcleo de Segurança é uma Parceria Público-Privada entre a Prefeitura de Caruaru, o Comando Presente (formado por entidades de classe, polícias e governo municipal) e a Feira da Fundac. “Foi uma ideia coletiva fazer esse espaço totalmente requalificado e dando qualidade para quem vem trabalhar aqui”, afirmou a prefeita Raquel Lyra. “Essa união vai garantir que o comércio de Caruaru possa continuar sendo forte e que o feirante possa se sentir seguro”.



O secretário extraordinário da feira, José Pereira, enfatizou a importância da iniciativa. “As Polícias e a Destra ficavam em contêineres, ocupando parte da rua. Agora, temos um espaço adequado e mais confortável para esses profissionais”, comemorou. “Tão importante quanto a estrutura física é a integração. Sempre que todos os órgãos de segurança estão integrados em um único espaço, a gente consegue oferecer um serviço de qualidade para o cidadão”, complementou o coronel da PM Giovane Augusto.

REQUALIFICAÇÃO

O Parque 18 de Maio também passará por nova etapa de requalificação. Raquel Lyra e o secretário de Urbanismo e Obras, Rodrigo Miranda, assinaram a Ordem de Serviço para a construção das calçadas e do recapeamento da mais famosa feira do país. A melhoria da mobilidade local inclui acessibilidade, sinalização, bancos, recuperação do asfato, implantação de locais de convivência e identidade visual para melhor identificação dos setores do local.





Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

Copa América no Brasil Copa América no Brasil
Confira a relação da Copa América com o Brasil, o histórico e detalhes da edição deste ano, na qual a seleção terá que se virar sem Neymar, cortado do torneio. Catar e Japão participam como convidados
O nome dele era Gabriel Diniz O nome dele era Gabriel Diniz
José Gabriel de Souza Diniz, o Gabriel Diniz, ou simplesmente GD como os fãs o chamavam, morreu precocemente, aos 28 anos, em um acidente com um pequeno avião no litoral sul de Sergipe ocorrido na segunda-feira, 27 de maio de 2019.
Conheça o udigrudi pernambucano Conheça o udigrudi pernambucano
O udigrudi pernambucano reuniu um grupo de talentosos jovens músicos que, na primeira metade dos anos 70, gravou discos absolutamente não comerciais, fez rock and roll na terra do frevo, produziu festivais, insistiram na permanência do sonho.

    SIGA-NOS

    LICENCIAMENTO

  • Para solicitação de licenciamento, contactar editores@ne10.com.br

Jornal do Commercio 2019 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE |

PRIVACIDADE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM