Jornal do Commercio
Notícia

Título de venerável concedido a Frei Damião é celebrado em missa no Pina

Reconhecimento do Vaticano é considerado primeiro passo para alcançar a canonização

Publicado em 14/04/2019, às 18h36

Missa foi celebrada pelo Arcebispo de Olinda e Recife, Dom Fernando Saburido / Foto: Felipe Jordão/JC Imagem
Missa foi celebrada pelo Arcebispo de Olinda e Recife, Dom Fernando Saburido
Foto: Felipe Jordão/JC Imagem
JC Online

Assim como o domingo de ramos remete aos fiéis a simplicidade com a qual Jesus foi recebido ao chegar em Jerusálem, a data, no Recife, serviu de inspiração para celebração do título de venerável concedido pelo Vaticano a Frei Damião de Bozzano. Homem de cultura simples e com reconhecida história de atuação pelos nordestinos mais pobres, Frei Damião segue em processo de canonização após receber o título de venerável, precisando agora ter seus milagres reconhecidos pelo Vaticano para se tornar santo.

No Covento de São Félix, no bairro do Pina  (onde está sepultado o corpo do frei ), Dom Fernando Saburido presidiu a celebração da missa em ação de graças ao título concedido a Damião. Na ocasião, o arcebispo de Olinda e Recife lembrou que o outro religioso sempre foi um homem do bem e que acabará de dar um passo significativo em relação ao possível reconhecimento como santo. “Frei Damião foi um missionário doado, simples e teve presença no interior do Nordeste. Ele fez muito o bem, e por isso as pessoas têm muito carinho, porque ele nunca se preocupou consigo, mas em ajudar os irmãos e proclamar a palavra de Deus”, reforça.

Milagres

De acordo com o postulador da causa de Frei Damião, Frei Jociel, o próximo passo após o reconhecimento como venerável é a igreja aprovar pelo menos dois milagres por intercessão de frei Damião. Um após a morte (1997), para garantir o título de beato; e outro, após a beatificação.



“Temos alguns possíveis casos de milagre que documentamos, mas é mantido em sigilo como pede a igreja. Mas sempre solicitamos às pessoas que tenham alcançado alguma graça por intermédio de Frei Damião, que nos procure porque precisamos urgente desse relato, ainda ao longo do processo”, pede o frei.

No que depender dos devotos, no entanto, a canonização de Frei Damião é só uma questão de tempo. “Sou missionária no memorial de Frei Damião em Caruaru. Vim realmente em função da celebração ao título. O processo pode ainda demorar, mas para nós, frei Damião já é um santo”, conta a dona de casa Joelma Marinho, 47.





Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

Copa América no Brasil Copa América no Brasil
Confira a relação da Copa América com o Brasil, o histórico e detalhes da edição deste ano, na qual a seleção terá que se virar sem Neymar, cortado do torneio. Catar e Japão participam como convidados
O nome dele era Gabriel Diniz O nome dele era Gabriel Diniz
José Gabriel de Souza Diniz, o Gabriel Diniz, ou simplesmente GD como os fãs o chamavam, morreu precocemente, aos 28 anos, em um acidente com um pequeno avião no litoral sul de Sergipe ocorrido na segunda-feira, 27 de maio de 2019.
Conheça o udigrudi pernambucano Conheça o udigrudi pernambucano
O udigrudi pernambucano reuniu um grupo de talentosos jovens músicos que, na primeira metade dos anos 70, gravou discos absolutamente não comerciais, fez rock and roll na terra do frevo, produziu festivais, insistiram na permanência do sonho.

    SIGA-NOS

    LICENCIAMENTO

  • Para solicitação de licenciamento, contactar editores@ne10.com.br

Jornal do Commercio 2019 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE |

PRIVACIDADE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM