Jornal do Commercio
Notícia
Alerta

Chuva provoca alagamentos e deixa desalojados na Mata Sul

Só no município de Barreiros, 518 famílias estão desalojadas

Publicado em 21/07/2019, às 11h43

Um alerta para três rios da Zona da Mata Sul de Pernambuco por causa do volume de chuva das últimas 24 horas / Foto: Reprodução/Google Street View
Um alerta para três rios da Zona da Mata Sul de Pernambuco por causa do volume de chuva das últimas 24 horas
Foto: Reprodução/Google Street View
JC Online
Atualizada às 16h13

As fortes chuvas que atingiram municípios da Zona da Mata Sul de Pernambuco deixaram, neste domingo (21), rios em estado de alerta e diversas famílias desalojadas.

De acordo com a Coordenadoria de Defesa Civil do Estado de Pernambuco (Codecipe), no município de Barreiros, 518 famílias (2072 pessoas) estão desalojadas. Todos foram ou para casa de parentes ou para casa de amigos. A cidade registrou 156 milímetros de chuva entre 7h do sábado (20) e 7h deste domingo (21).

Das cinco barragens planejadas em 2010, apenas uma foi concluída em Pernambuco

Plano para Bacia do Una pode ajudar a conter enchentes

 

Veja o número de famílias desalojadas por bairro:

Itaperibu – 18 famílias desalojadas

Bairro dos Lotes – 240 famílias desalojadas

Tibirí – 12 famílias desalojadas

Santa Goreti – 180 famílias desalojadas

Centro – 68 famílias desalojadas

Em Barreiros, segundo a Defesa Civil, a prefeitura disponibilizou nove caminhões e um grupo de 40 funcionários para auxiliar moradores que estão em locais alagados. Já a Codecipe mandou equipe para auxiliar a Defesa Civil do município e levou comida e material de limpeza. É a terceira vez neste ano que a cidade passa por uma situação do tipo.

Em Tamandaré, no Bairro de Santo André, área rural, 42 casas também estão alagadas, e o Engenho Oriente encontra-se ilhado.



Rios em estado de alerta

A Agência Pernambucana de Águas e Clima (Apac) emitiu, neste domingo (21), um alerta para três rios da Zona da Mata Sul de Pernambuco por causa do volume de chuva das últimas 24 horas.

Segundo a Apac, o nível do Rio Sirinhaém está acima da cota de alerta para Barra de Guabiraba. Já o município São Benedito do Sul registrou o nível do Rio Pirangi acima da cota de alerta. Áreas ribeirinhas do rio poderão ser atingidas caso o nível continue subindo. A cidade de Ribeirão registrou o nível do Rio Amaraji acima da cota de alerta, devido às chuvas registradas nas últimas 24h. Em Barreiros, o Rio Carimã transbordou e o Rio Una, que costuma transbordar ao ultrapassar sete metros, já chegou a cinco.

Rio Sirinhaém, em Barra de Guabiraba

A Defesa Civil afirmou que, há cerca de 30 dias, a prefeitura fez o alargamento do leito deste rio, passando de 3 m para 20 m. Desde a última sexta-feira (19), o rio subiu 2,5 m. Caso este alargamento não tivesse sido feito, a cidade poderia já ter sido invadida pelas águas, mas até o momento isso não aconteceu. 




Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.

OFERTAS

Especiais JC

Especial Nova Rotação Especial Nova Rotação
As cidades estão entrando em colapso. Refletem o resultado da mobilidade urbana convencional, um mal incorporado à sociedade e de difícil enfrentamento.Mas o momento de inverter essa lógica é agora. Criar uma nova rotação para as cidades, para as pessoas
JC Recall de Marcas 2019 JC Recall de Marcas 2019
Pitú e Vitarella são as marcas mais lembradas pelo consumidor pernambucano, de acordo com a edição 2019 do Prêmio JC Recall de Marcas. O ranking foi feito a partir de levantamento do Harrop Pesquisa para o Jornal do Commercio.
Especial Tempo de Férias Especial Tempo de Férias
O tempo das férias finalmente chegou e com ele os vários planos sobre o que fazer no período livre. O JC traz algumas dicas de como otimizar o período para voltar renovado do merecido descanso.

    SIGA-NOS

    LICENCIAMENTO

  • Para solicitação de licenciamento, contactar editores@ne10.com.br

Jornal do Commercio 2019 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE |

PRIVACIDADE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM