Jornal do Commercio
Notícia
TRÁFICO E HOMICÍDIOS

Polícia desarticula grupo de traficantes em Ipojuca

Sete pessoas foram presas, suspeitas de envolvimento com o tráficos e homicídios

Publicado em 21/08/2019, às 14h19

Na manhã desta quarta-feira (21), a Polícia detalhou a prisão de sete pessoas do grupo.  / Foto: PCPE
Na manhã desta quarta-feira (21), a Polícia detalhou a prisão de sete pessoas do grupo.
Foto: PCPE
JC Online

Sete pessoas que, segundo a Polícia Civil de Pernambuco, são envolvidas com tráfico de drogas e homicídios, foram presas em Serrambi, no Litoral Sul de Pernambuco, no último sábado (17). Na manhã desta quarta-feira (21), a Polícia deu detalhes sobre as prisões do grupo que atuaria nos municípios e Ipojuca, Cabo de Santo Agostinho, Sirinhaém, Itamaracá e também no Recife. 

No momento da prisão, o grupo estava em uma casa, realizando uma festa. Das sete prisões realizadas, foram três cumprimentos de mandados de prisão por homicídio e tráfico de drogas, outras três em flagrante delito pelo crime de tráfico de drogas e a apreensão de um menor. “Vínhamos monitorando esse grupo criminoso há mais de um ano, tínhamos a informação de que se reuniriam em uma casa para uma festa e fomos até o local. Lá, encontramos seis homens e seis mulheres, inclusive duas menores de idade”, contou o delegado de Ipojuca, Ney Luiz Rodrigues. 

Ainda de acordo com o delegado de Ipojuca, entre 2018 e 2019, a Polícia realizou cerca de 90 prisões de pessoas envolvidas direta ou indiretamente com o tráfico. “Percebemos que faltava prender justamente os líderes, as pessoas que teriam o comando da facção. Focamos o trabalho para conseguir prender essas pessoas e conseguimos durante esta ação da madrugada do sábado”, acrescentou. 



Homicídios 

“Se somarmos os crimes praticados por essas pessoas presas, chegaremos facilmente na casa dos 50 homicídios. Eles são considerados de alta periculosidade e confessaram esses crimes”, afirma Rodrigues. A Polícia divulgou também um diagrama de vínculos entre o grupo criminoso desarticulado. Onde os líderes são dois homens conhecidos como Bambam e Carioca, que estão foragidos. 

Entre os presos, estão Lobão, Diego Latrol e Belchior, apontados como gerentes do grupo. “Lobão confessou aproximadamente 20 homicídios, é um indivíduo bastante perigoso, que inclusive já teria ameaçado o delegado de Itamaracá, além de ser extremamente frio. Seu primo, conhecido como Diego Latrol - por já ter praticado latrocínio - somente nesse último mês praticou cerca de cinco homicídios no Cabo. O Belchior também já possuía antecedentes criminais, efetuou disparos contra uma viatura da Polícia Militar e conseguiu fugir”, detalhou o delegado. 

Foragidos

De acordo com a Polícia Civil, Carioca e Bambam são os alvos prioritários agora. “Esse grupo tem um domínio de uma área muito extensa em Pernambuco. Podemos dizer que todos os municípios da Mata Sul são dominados por eles”, disse. Pessoas que tiverem informações sobre os foragidos podem entrar em contato com a delegacia de Ipojuca de forma anônima.




Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.

OFERTAS

Especiais JC

Especial Nova Rotação Especial Nova Rotação
As cidades estão entrando em colapso. Refletem o resultado da mobilidade urbana convencional, um mal incorporado à sociedade e de difícil enfrentamento.Mas o momento de inverter essa lógica é agora. Criar uma nova rotação para as cidades, para as pessoas
JC Recall de Marcas 2019 JC Recall de Marcas 2019
Pitú e Vitarella são as marcas mais lembradas pelo consumidor pernambucano, de acordo com a edição 2019 do Prêmio JC Recall de Marcas. O ranking foi feito a partir de levantamento do Harrop Pesquisa para o Jornal do Commercio.
Especial Tempo de Férias Especial Tempo de Férias
O tempo das férias finalmente chegou e com ele os vários planos sobre o que fazer no período livre. O JC traz algumas dicas de como otimizar o período para voltar renovado do merecido descanso.

    SIGA-NOS

    LICENCIAMENTO

  • Para solicitação de licenciamento, contactar editores@ne10.com.br

Jornal do Commercio 2019 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE |

PRIVACIDADE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM