Jornal do Commercio
Notícia
EDUCAÇÃO

Saiba como e quanto custa estudar na Universidade de Harvard, nos Estados Unidos

Uma das mais prestigiadas universidades do mundo, Harvard é o lugar de estudos do sonho de muitas pessoas

Publicado em 17/01/2020, às 12h15

Por Harvard já passaram nomes como Barack Obama, Bill Gates, Mark Zuckerberg e a deputada federal brasileira Tabata Amaral (PDT-SP) / Foto: Samir B Amin/HMS
Por Harvard já passaram nomes como Barack Obama, Bill Gates, Mark Zuckerberg e a deputada federal brasileira Tabata Amaral (PDT-SP)
Foto: Samir B Amin/HMS
JC Online

Uma das mais conceituadas universidades do mundo, a Universidade de Harvard, nos Estados Unidos, é o lugar de estudos do sonho de muitas pessoas. Por ela já passaram os ex-presidentes americanos Barack Obama, George W. Bush, Franklin Roosevelt, John Adams, John Kennedy e John Quincy Adams, além dos grandes nomes da tecnologia como Bill Gates e Mark Zuckerberg e da deputada federal brasileira Tabata Amaral (PDT-SP). Em Harvard, também, segundo o Grupo Big, deseja estudar a jovem Débora Dantas, de 19 anos, vítima de um acidente com kart no bairro de Boa Viagem, na Zona Sul do Recife, em agosto de 2019.

Disposto a levar jovens talentos para suas salas, o famoso centro acadêmico americano, fundado em 1636, adota uma prática de ingresso conhecida como "need-blind". Nesse método, a renda do candidato à vaga não é levada em consideração durante o processo seletivo. Os melhores são aceitos, possam eles pagar ou não pelos seus estudos. Àqueles que não podem, a universidade oferece bolsas de estudo que podem chegar a 100%.

Como estudar lá

As admissões para Harvard seguem o modelo das escolas dos EUA, com a chamada "application". Com esse método, os candidatos devem enviar resultados de testes padronizados, além de exames de proficiência em inglês, como o TOEFL. Também são solicitados cartas de apresentação do estudante ao comitê de admissão.



O processo de seleção é concorrido, por isso, a taxa de aprovação de novos alunos em Harvard gira em torno de 5% anualmente, de acordo com a Fundação Estudar.

Quanto custa

Para quem pode pagar, o custo integral para estudar em Harvard gira em torno dos 46 mil dólares. Este valor não levar em consideração gastos com materiais e livros (cerca de 1 mil dólares), seguro-saúde (em média, 4 mil dólares) e outras taxas (em torno de 4 mil dólares), nem despesas com moradia e transporte, que podem variar de acordo com a região em que a pessoa escolher para morar.

Para os estudantes que desejam morar na universidade, o custo pode superar os 60 mil dólares por ano. Considerando a cotação do dólar para a sexta-feira, 16 de janeiro de 2020, que é de R$ 4,18, o valor anual para brasileiros estudarem e morarem em Harvard é de, em média, R$ 250.800,00.




Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.

OFERTAS

Especiais JC

Irmã Dulce e as lições que se multiplicam Irmã Dulce e as lições que se multiplicam
A Santa Dulce dos Pobres deixou um legado enorme por todo o país, e não poderia ser diferente em Pernambuco. Veja exemplos de quem segue o "anjo bom da Bahia"
Jackson era grande demais para um pandeiro Jackson era grande demais para um pandeiro
Em pouco tempo, Jackson do Pandeiro deixou claro que não se tratava apenas de uma voz a mais no cenário artístico pernambucano. Confira especial sobre o artista
Especial Novo Clima Especial Novo Clima
O inverno não é mais o mesmo. E nem o verão. Os efeitos da crise climática alteraram a rotina de milhares de cidadãos das grandes cidades. O JC traz reportagens especiais desvendando o "novo clima"

    SIGA-NOS

    LICENCIAMENTO

  • Para solicitação de licenciamento, contactar editores@ne10.com.br

Jornal do Commercio 2020 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE |

PRIVACIDADE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM