Jornal do Commercio
Operações

Detran autua mais de 3 mil condutores no mês de junho

As atuações do Detran-PE contaram com a parceria da Polícia Militar (PM), e do Batalhão de Policiamento de Trânsito (BPTran). Nelas foram autuados 3.130 condutores.

Publicado em 04/07/2018, às 16h14

Nas ações foram abordados cerca de 8.535 veículos em blitzes. / Foto: Divulgação/Detran-PE
Nas ações foram abordados cerca de 8.535 veículos em blitzes.
Foto: Divulgação/Detran-PE
JC Online

O Departamento Estadual de Trânsito de Pernambuco (Detran-PE) divulgou nesta quarta-feira (4) o balanço das Operações Trânsito Seguro (OTS) e Rota de Fuga (ORT), que foram realizadas durante o mês de junho, no período do São João. Nelas foram autuados 3.130 condutores.

Nas ações foram abordados cerca de 8.535 veículos em blitzes nas cidades de Recife, Olinda, Paulista, Cabo, Jaboatão dos Guararapes, Caruaru, Bezerros, Carpina, Gravatá e Goiana.

Infrações

As atuações do Detran-PE contaram com a parceria da Polícia Militar (PM), e do Batalhão de Policiamento de Trânsito (BPTran), 447 condutores tiveram o veículo removido para o depósito do órgão, 385 motoristas também tiveram a sua CNH recolhida e foram feitos 3.049 teste do bafômetro, desses 61 condutores que ao realizarem o teste do bafômetro estavam acima do teor permitido.



Motivos

Por não uso do cinto de segurança, inclusive no banco traseiro; falar ao celular durante a condução do veículo; não portar Carteira Nacional de Habilitação – CNH, e documento de porte obrigatório (Certificado de Registro e Licenciamento de Veiculo – CRLV); dirigir sob o efeito de álcool; falta de equipamento obrigatório de segurança; e carregar criança sem o uso da cadeirinha.

Operações

A OTS tem como foco principal infrações do cotidiano, comuns nas ruas e avenidas, parar garantir o cumprimento das leis e da fluidez do trânsito.

Já a ORT, mobiliza as equipe para que os agentes se posicionem estrategicamente, a fim de impedir a evasão dos infratores. Ela tem como objetivo principal coibir a realização de manobras perigosas.




Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.

OFERTAS

Especiais JC

Irmã Dulce e as lições que se multiplicam Irmã Dulce e as lições que se multiplicam
A Santa Dulce dos Pobres deixou um legado enorme por todo o país, e não poderia ser diferente em Pernambuco. Veja exemplos de quem segue o "anjo bom da Bahia"
Jackson era grande demais para um pandeiro Jackson era grande demais para um pandeiro
Em pouco tempo, Jackson do Pandeiro deixou claro que não se tratava apenas de uma voz a mais no cenário artístico pernambucano. Confira especial sobre o artista
Especial Novo Clima Especial Novo Clima
O inverno não é mais o mesmo. E nem o verão. Os efeitos da crise climática alteraram a rotina de milhares de cidadãos das grandes cidades. O JC traz reportagens especiais desvendando o "novo clima"

    SIGA-NOS

    LICENCIAMENTO

  • Para solicitação de licenciamento, contactar editores@ne10.com.br

Jornal do Commercio 2020 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE |

PRIVACIDADE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM