Jornal do Commercio
Mudança

Entenda as mudanças de trânsito na Encruzilhada em um minuto

As alterações vão afetar a Avenida João de Barros, a Avenida Norte, a Rua Alfredo de Castro, a Rua José de Sá Carneiro e a Rua Castro Alves

Publicado em 12/07/2018, às 06h00

A intervenção faz parte de um conjunto de mudanças implantadas ao longo da Avenida Norte, é o quinto cruzamento atingido / Foto: Diego Nigro/JC Imagem
A intervenção faz parte de um conjunto de mudanças implantadas ao longo da Avenida Norte, é o quinto cruzamento atingido
Foto: Diego Nigro/JC Imagem
JC Online

A partir deste sábado (14), a Autarquia de Trânsito e Transporte Urbano (CTTU) vai implantar mudanças de tráfego no Largo da Encruzilhada, no bairro de mesmo nome, na Zona Norte do Recife. As alterações vão afetar a Avenida João de Barros, a Avenida Norte, a Rua Alfredo de Castro, a Rua José de Sá Carneiro e a Rua Castro Alves.



Se você ainda não entendeu o que vai mudar, a gente te explica. Confira no vídeo:

Linhas de ônibus

As mudanças implantadas pela CTTU no Largo da Encruzilhada, na Zona Norte do Recife, também irão alterar o itinerário e as paradas de linhas de ônibus que passam pelo local. Agentes e orientadores do órgão municipal estão no local para orientar motoristas e pedestres e estão sendo distribuídos panfletos explicando a novidade.

 

 


Palavras-chave

Recomendados para você


Comentários

Por Carlos Henrique,23/07/2018

Concordo plenamente com todos os comentário. O mais grave é a onda de assalto que apareceu na rua. Sou morador da Rua Alfredo de Castro e em 14 anos nunca soube de nenhum caso de violência. Depois dessa alteração já soube de mais de 10 casos, inclusive ontem um ônibus foi parado e assaltado na frente da minha casa, muita gritaria e agonia dos passageiros. Parabéns CTTU, fez a mudança em época de férias para tentar enrolar a população e dizer que está tudo certo.

Por cynthia,14/07/2018

Olá, boa noite. Esta mudança no trânsito nesta localidade para mim não era novidade, pois a partir do momento que foi divulgada fiquei a analisar o que seria feito. E falo que esta mudança planejada pelos urbanistas da prefeitura, não vai ajudar muito. Pois hoje, dia 14/07/18 "SÁBADO" época férias dos estudantes (lembrando que há uma escola prox); e a exatos 12:30h quando estava entrando na Rua Alfredo de Castro encontrei retenção no tráfego em companhia de vários ônibus.....Calculei um tempo de parada de uns dez minutos até chegar ao primeiro semáforo antes de atravessar a Av Norte. Imaginem: saindo de uma via de três faixas da Av. João de Barros e entrar na Rua Alfredo de Castro com apenas duas faixas em dias de semana e período de aula?! O caus será o mesmo!!! Não houve solução. Para mim foi dinheiro público novamente desperdiçado em obras que não eliminou o problema.

Por saraiva filho,13/07/2018

Estão deslocando um grande contingente de veículos para vias secundárias, as quais não terão condições de atenderem as demandas de intensificação de tráfego, além de as edificações ali existentes não terem condições de suportarem tráfego pesado. Além do mais, o contingente de veículos foi deslocado para áreas de insegurança pública, com grandes índices de roubos, sem contar que, em época de chuvas, o trânsito vai ficar ainda mais complicados devido aos intensos alagamentos que sempre atingem as vias secundárias da Encruzilhada. Impressionante a falta de planejamento e estratégia da CTTU. Pensam e decidem com prognósticos muito imediatista, esquecendo-se das peculiaridades e intempéries pluviais de nossas logradouros. Ao final, devido a um prognóstico antecipado de que as mudanças não têm condições de darem certo, fica a dúvida: "quem arcará com tantos prejuízos?" Acho que estão tentando fazer feijoada sem feijão e um show de pirotecnia de trânsito que, ao final, vai se sair mais complicado e ruim. Desconheço quem tenha concordado com tanta desorientação. Falo como morador e conhecedor do bairro da Encruzilhada.

Por jurandir manso raimundo rocha,13/07/2018

ao inves de canteiros no eio das ruas recomendo paletas tipo fliperamas ou porteiras operadas por guardas de transito e ou automaticas fazendo o papel dos canteiros estes devem se1r eliminados para nao estreitar e afunilar as ruas gerando assim engarrafamentos

Por jurandir manso Masculino,13/07/2018

os canteiros nas rua terminam estreitando-as afunilando-as gerando assim engarrafamentos seria importante elimina-los para que as rua avenidas fiquem mais amplas e mais largas e espacosas ...



Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

As Paixões de José Pimentel, o eterno Jesus As Paixões de José Pimentel, o eterno Jesus
O JC preparou um hotsite especial em homenagem ao ator e diretor Jose Pimentel, o eterno Jesus Cristo do teatro pernambucano
Nordeste Renovável Nordeste Renovável
Com a força dos ventos e a incidência solar, o Nordeste desponta como oásis. Não só para o turismo, nem apenas no Litoral. Na geração de energia sustentável está a nova fonte de riqueza da Região, principalmente no interior
Vidas Compartilhadas Vidas Compartilhadas
O JC apresenta o mundo da doação e dos transplantes de órgãos pelas vozes de pessoas que ensinam, mesmo diante das adversidades, a recomeçar a vida quantas vezes for preciso.

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2018 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM