Jornal do Commercio
Ônibus

MPPE quer explicações sobre ônibus com ar condicionado parados nas garagens

Urbana-PE, Grande Recife e empresas do STTP foram convocadas à prestar esclarecimento sobre o caso

Publicado em 14/03/2019, às 12h25

Os órgão têm até dez dias para prestarem esclarecimento sobre o caso / Foto: Guga Matos/Acervo JC Imagem
Os órgão têm até dez dias para prestarem esclarecimento sobre o caso
Foto: Guga Matos/Acervo JC Imagem
JC Online

O Ministério Público de Pernambuco (MPPE) convocou o Grande Recife Consórcio de Transporte e o Sindicato das Empresas de Transporte e Passageiros de Pernambuco (Urbana-PE) para se pronunciarem sobre uma denúncia de ônibus, com ar condicionado, parados nas garagens de empresas de transporte público há mais de um ano. Os órgão têm até dez dias para prestarem esclarecimento sobre o caso. A denúncia foi feita pela Frente de Luta pelo Transporte Público (FLPT), em relação às empresas Caxangá e Metropolitana.

Além do pedido de esclarecimento, o MPPE solicitou dados que comprovem o cumprimento da renovação de frota nos últimos dez anos. O despacho foi emitido pelo promotor de justiça Humberto Graça, nessa quarta-feira (13). Graça abriu um procedimento preparatório, que é instaurado por um promotor para reunir dados preliminares para verificar se instaura ou não um inquérito civil.



O Grande Recife informou, por meio de nota, que "ainda não foi notificado oficialmente e, quando o for, responderá ao Ministério Público de Pernambuco dentro do prazo legal estipulado".

Denúncia

A denúncia foi feita pela FLPT, no dia 22 de fevereiro. Por meio de sua página no Facebook, a FLPT expôs que uma frota de ônibus novos com ar condicionado estava parada há um ano, nas garagens da empresa Caxangá e Metropolitana. Segundo o grupo, os veículos deveriam estar em circulação, baseado na renovação de frota. Este item compõe o cálculo para a tarifa paga pelo o usuário. 





Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

Sozinhas nasce uma mãe Sozinhas nasce uma mãe
Uma palavra se repete na vida dela: sozinha. Porque estava sozinha na gravidez. Sozinha na hora do parto. Sozinha nas primeiras noites de choro. Sozinha nos primeiros passos. Sozinha no registro civil. O JC conta histórias de luta das mães sozinhas
Segunda chance - Caminhos para ressocializar Segunda chance - Caminhos para ressocializar
Eles saem das prisões, mas as prisões não saem deles. Perseguem-nos até o final de suas vidas. Como uma condenação perpétua. Pena. Eles lamentam. Mas precisam seguir. E neste difícil caminho da ressocialização, o trabalho é uma espécie de absolvição.
Papai Noel o ano inteiro Papai Noel o ano inteiro
As luzes na cidade anunciam que o Natal já chegou. É nesta época do ano que o espírito natalino faz aflorar alguns dos sentimentos mais nobres. Agora iremos contar histórias de pessoas, organizações e empresas que fizeram da solidariedade missão de vida

    SIGA-NOS

    LICENCIAMENTO

  • Para solicitação de licenciamento, contactar editores@ne10.com.br

Jornal do Commercio 2019 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE |

PRIVACIDADE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM