Jornal do Commercio
JUSTIÇA

Audiência com acusado de matar fisioterapeuta no Recife é marcada por protesto

Familiares e amigos de Tássia Mirella Sena convocaram mobilização para pedir que Edvan Luiz não responde ao crime em liberdade

Publicado em 06/04/2017, às 14h30

Dezenas de amigos, familiares e conhecidos da vítima estão juntos desde o fim da manhã na frente do fórum / Foto: Reprodução/Facebook
Dezenas de amigos, familiares e conhecidos da vítima estão juntos desde o fim da manhã na frente do fórum
Foto: Reprodução/Facebook
JC Online

Com a autuação em flagrante do comerciante Edvan Luiz, 29, pelo assassinato da fisioterapeuta Tássia Mirella Sena, 28, familiares e amigos da vítima convocaram um protesto para que, durante audiência realizada na tarde desta quinta-feira (6), no Fórum Rodolfo Aureliano, na Ilha de Joana Bezerra, seja decidido que o homem não responda ao crime em liberdade.

Dezenas de amigos, familiares e conhecidos da vítima estão juntos desde o fim da manhã na frente do fórum, cobrando por justiça. Com cartazes nas mãos, as pessoas pedem que o comerciante acusado de assassinar brutalmente Mirella responda pelo crime preso.

 

De acordo com o chefe da Polícia Civil Joselito Kehrle, "não há dúvidas" de que Edvan foi o responsável pela morte da jovem. Mirella foi encontrada morta com um corte profundo no pescoço e nas mãos, dentro do flat onde morava, na Rua Ribeiro de Brito, em Boa Viagem, na manhã dessa quarta-feira (5).



Ainda segundo Joselito, o crime teve motivação sexual e a vítima teria entrado em luta corporal contra o acusado para tentar sobreviver. Edvan teria premeditado o crime e entrado no apartamento da vítima enquanto a esposa dele não estava em casa.

Velório

 

A família e os amigos da jovem estão inconsoláveis e ainda não acreditam na forma brutal como Mirella foi assassinada. "Eu não aceito a morte da minha filha desse jeito, Deus não queria isso para mim, eu quero justiça. Mirella era uma guerreira e lutava contra a violência contra a mulher. É uma dor muito grande, estou sem forças", afirmou a mãe da vítima, Isabel Araújo, durante o velório da jovem numa funerária do bairro de Santo Amaro.

 

{GALERIA}

 




Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.

OFERTAS

Especiais JC

Especial Nova Rotação Especial Nova Rotação
As cidades estão entrando em colapso. Refletem o resultado da mobilidade urbana convencional, um mal incorporado à sociedade e de difícil enfrentamento.Mas o momento de inverter essa lógica é agora. Criar uma nova rotação para as cidades, para as pessoas
JC Recall de Marcas 2019 JC Recall de Marcas 2019
Pitú e Vitarella são as marcas mais lembradas pelo consumidor pernambucano, de acordo com a edição 2019 do Prêmio JC Recall de Marcas. O ranking foi feito a partir de levantamento do Harrop Pesquisa para o Jornal do Commercio.
Especial Tempo de Férias Especial Tempo de Férias
O tempo das férias finalmente chegou e com ele os vários planos sobre o que fazer no período livre. O JC traz algumas dicas de como otimizar o período para voltar renovado do merecido descanso.

    SIGA-NOS

    LICENCIAMENTO

  • Para solicitação de licenciamento, contactar editores@ne10.com.br

Jornal do Commercio 2019 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE |

PRIVACIDADE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM