Jornal do Commercio
AGRESTE

Homem prepara cova, ameaça esposa, mas acaba preso em Águas Belas

A Polícia Militar foi acionada pela sogra do suspeito

Publicado em 16/10/2017, às 17h51

O caso ocorreu nesta segunda (16), em Águas Belas, no Agreste pernambucano / Foto: Reprodução/Google Maps
O caso ocorreu nesta segunda (16), em Águas Belas, no Agreste pernambucano
Foto: Reprodução/Google Maps
JC Online

Um homem foi preso após ameaçar matar a esposa nesta segunda-feira (16), no município de Águas Belas, no Agreste de Pernambuco. O rapaz, inclusive, já tinha feito um buraco no quintal da residência para, segundo a polícia, enterrar o corpo da companheira.

De acordo com o delegado Jonas Fraga, responsável pelo caso, a mãe da vítima foi quem acionou a Polícia Militar (PM). Ao chegarem na casa, os policiais abordaram Adriano Gomes da Silva, de 22 anos, e encontraram uma faca na cintura do suspeito. Uma revista foi realizada na residência e duas espingardas foram encontradas. No quintal, além da cova, foram identificados dois pés de maconha. O delegado informou ainda que o homem é usuário de drogas e já havia agredido a mulher fisicamente nesse domingo (15).



Na delegacia de Águas Belas, Adriano foi atuado por ameaça, porte ilegal de arma de fogo e porte de substância ilícita. O homem passará por audiência de custódia na manhã desta terça-feira (17).





Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

Papai Noel o ano inteiro Papai Noel o ano inteiro
As luzes na cidade anunciam que o Natal já chegou. É nesta época do ano que o espírito natalino faz aflorar alguns dos sentimentos mais nobres. Agora iremos contar histórias de pessoas, organizações e empresas que fizeram da solidariedade missão de vida
Vida fit todo dia Vida fit todo dia
Apesar de a abertura do Verão no Brasil só acontecer em dezembro, no Nordeste há uma antecipação da data. Por esse motivo, que tal aproveitar esses meses de energia para cultivar bons hábitos e mudar o estilo de vida? Veja várias dicas de como se cuidar
BRT: E agora? BRT: E agora?
Ele está ferido, sofrido. Esquecido. E sem perspectivas de melhoria. Tem sobrevivido como é possível e, apenas pontualmente, esboça reações positivas. O sistema BRT, Bus Rapid Transit, tem sofrido de inanição em todo o País. E poderá se perder.

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2018 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM