Jornal do Commercio
VIOLÊNCIA

Suspeito de assalto é morto a tiros em Paulista

Homem teria roubado uma caminhonete S10 e foi assassinado momentos depois

Publicado em 15/11/2017, às 01h35

Erivan morreu dentro da picape e o suposto comparsa foi levado para um hospital ainda ignorado / Foto: Edson Araújo / TV Jornal
Erivan morreu dentro da picape e o suposto comparsa foi levado para um hospital ainda ignorado
Foto: Edson Araújo / TV Jornal
JC Online
Com informações da TV Jornal

Um homem foi morto a tiros na noite desta terça-feira (14) em Paulista, na Região Metropolitana do Recife. O crime aconteceu na Rua 51, Jardim Paulista Baixo. De acordo com informações do delegado à frente do caso, Breno Maia, da Força Tarefa do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), a vítima teria cometido um assalto e roubado um carro antes de ser baleada e morta.

Crime

Erivan Severino de Melo, 30 anos, era morador do Córrego da Bica, em Nova Descoberta, no Recife. Ele era dono de um lava jato na localidade onde residia. Erivan, junto com outro suspeito não identificado, estaria praticando assaltos à mão armada nas proximidades de onde foi morto. Ele e o comparsa teriam roubado uma picape S10, carro onde seu corpo foi encontrado com vários ferimentos à bala.



O proprietário do veículo, que não quis se identificar nem gravar entrevista, disse que os suspeitos chegaram armados e tomaram o veículo dele na porta de sua casa. Quando eles foram embora, o dono do carro teria começado a gritar na rua, dizendo que tinha sido assaltado. Momentos depois, o proprietário afirma ter ouvido vários disparos, pelo menos mais de cinco. O homicídio aconteceu na rua por trás da rua onde o dono da picape mora.

O comparsa de Erivan, de acordo com testemunhas, também teria sido baleado, e foi levado para um hospital que ninguém soube informar qual foi. A identidade de quem baleou os suspeitos ainda não é conhecida e ainda não se sabe qual a motivação do crime.


Recomendados para você


Comentários

Por Bom,15/11/2017

É um herói que matou este safado, ladrão bom é ladrão morto



Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

BRT: E agora? BRT: E agora?
Ele está ferido, sofrido. Esquecido. E sem perspectivas de melhoria. Tem sobrevivido como é possível e, apenas pontualmente, esboça reações positivas. O sistema BRT, Bus Rapid Transit, tem sofrido de inanição em todo o País. E poderá se perder.
Especial educação Especial educação
E se você descobrisse que o futuro ligado às tendências que irão norteá-lo já chegou? O mundo hoje é um mar de oportunidades, para conhecimento, informação e inovação. Cada vez mais o profissional precisa evoluir. Por isso veja o caminho a seguir
A revolução da ciclomobilidade: o exemplo de Fortaleza A revolução da ciclomobilidade: o exemplo de Fortaleza
A capital cearense, diferentemente da pernambucana – embora nordestina também – deu um salto na infraestrutura viária voltada para as bicicletas. A cidade está repleta de ciclofaixas. Por toda parte. E a grande maioria conectada

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2018 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM