Jornal do Commercio
INVESTIGAÇÕES

Suposto pai de santo é investigado por esquartejamento em Moreno

A polícia fará perícias para comprovar se pedaços do corpo encontrado na casa do pai de santo são do mesmo cadáver achado esquartejado em Moreno

Publicado em 02/02/2018, às 16h57

De acordo com a Polícia Militar, o suspeito teria assassinado um homem há 20 dias e jogado partes do corpo em um rio
 / Foto: Cortesia
De acordo com a Polícia Militar, o suspeito teria assassinado um homem há 20 dias e jogado partes do corpo em um rio
Foto: Cortesia
JC Online

A Polícia Civil inicia as investigações sobre o suposto pai de santo preso em flagrante por ocultação de cadáver. Em coletiva com a imprensa, na tarde desta sexta-feira (2), o delegado Felipe Monteiro esclareceu detalhes das apurações.

"Há dois fatos isolados que acredita-se que tenham ligação", conta o delegado. Um tronco de uma pessoa, que havia sido esquartejada, foi encontrado no Rio Jaboatão, em Moreno, no Grande Recife, no dia 13 de janeiro. No mesmo local, foram encontradas duas sacolas plásticas com restos mortais lacerados. 

Os pedaços do corpo foram encaminhados ao Instituto de Medicina Legal (IML), para que fossem feitos exames de DNA que pudessem identificar a vítima, já que não havia cabeça, nem membros inferiores e superiores para ser feita a identificação.

De acordo com a Polícia Militar, na casa do suposto pai de santo Diego José Minervino dos Anjos, de 26 anos, foram encontrados partes de um corpo esquartejado dentro de um balde com água já em estado de decomposição. 

O delegado Felipe Monteiro conta que foi encontrado na casa do suspeito um crânio, pés e mãos; membros que faltavam no cadáver encontrado no dia 13 de janeiro. Porém, ainda não é possível confirmar se o corpo é da mesma pessoa, pois, mesmo com grandes coincidências, é necessário a comprovação através do teste emitido pelo IML que sairá em alguns dias.


Galeria de imagens

Legenda
Anteriores
Próximas

Em depoimento, o suspeito deu respostas vagas e imprecisas, não colaborando com a apuração dos detalhes. ''Ele confessou à imprensa que teria esquartejado a vítima por causa de uma divindade que pediu a ele um sacrifício, e com isso ele iria enriquecer", relata o delegado, que usará a fala de Diego à imprensa nos autos do processo.

"Ainda não se sabe se ele tem algum tipo de insanidade mental ou se é mera estratégia dele", concluiu. Serão feitos exames médicos que comprovem ou não a sanidade mental do rapaz.



Enquanto a Polícia Civil realiza as perícias do caso, será solicitado a prisão temporária de Diego José. Ele foi encaminhado à audiência de custódia e deve aguardar a decisão da justiça conforme o resultado das investigações.

Repúdio

Através de sua página oficial no Facebook, a Federação dos Cultos Afro Brasileiro de Pernambuco se posicionou sobre o caso dizendo que repudia a prática de magia negro e diz que Diego José Minervino dos Anjos "não é associado à entidade ou à Federação dos Cultos Afro".

O caso

Um suposto pai de santo foi preso, na noite da quinta-feira (1°), suspeito de assassinato e esquartejamento durante rituais satânicos no município de Moreno, na Região Metropolitana do Recife. Durante a prisão, o suspeito confessou à impressa o crime e afirmou ter cometido em ritual de magia negra para a entidade 'Oxum' com o objetivo de ficar rico. 

Segundo a Polícia Militar, o suposto pai de santo Diego José Minervino dos Anjos, de 26 anos, teria assassinado um homem há 20 dias. A suposta vítima seria Marcos Ferreira da Silva, de 33 anos, conhecido como "Mal", que estava desaparecido e cujos restos mortais foram encontrados no dia 13 de janeiro deste ano no Rio Jaboatão, em Moreno, também no Grande Recife. 

A família da vítima foi ao Instituto de Medicina Legal (IML) para tentar fazer o reconhecimento dos restos mortais, mas não conseguiu pois faltavam algumas partes, como cabeça, pés e mãos. A família também afirmou que Marcos tinha os pés e as mãos atrofiados por causa de uma doença e que, se esses membros estivessem lá, o reconhecimento do corpo seria possível.

Na casa do suspeito, a PM encontrou um balde com um crânio, duas mãos e dois pés em avançado estado de decomposição, o que não permite saber se os membros são realmente de Marcos. 

Os membros encontrados na casa serão levado ao IML onde passarão por exames. 





Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

JC 100 anos JC 100 anos
Para marcar os 100 anos de fundação, o JC publica este especial com um panorama do que se passou neste período em que o jornal retratou o mundo, com projeções de especialistas sobre o que vem por aí e com os bastidores da Redação do Jornal do Commercio
Sozinha nasce uma mãe Sozinha nasce uma mãe
Uma palavra se repete na vida dela: sozinha. Porque estava sozinha na gravidez. Sozinha na hora do parto. Sozinha nas primeiras noites de choro. Sozinha nos primeiros passos. Sozinha no registro civil. O JC conta histórias de luta das mães sozinhas
Segunda chance - Caminhos para ressocializar Segunda chance - Caminhos para ressocializar
Eles saem das prisões, mas as prisões não saem deles. Perseguem-nos até o final de suas vidas. Como uma condenação perpétua. Pena. Eles lamentam. Mas precisam seguir. E neste difícil caminho da ressocialização, o trabalho é uma espécie de absolvição.

    SIGA-NOS

    LICENCIAMENTO

  • Para solicitação de licenciamento, contactar editores@ne10.com.br

Jornal do Commercio 2019 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE |

PRIVACIDADE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM