Jornal do Commercio
AGRESTE

Suspeito de matar e amarrar jovem desaparecida é preso em Garanhuns

A jovem Maria Jaqueline da Silva foi encontrada morta nessa sexta-feira. Ela estava com as mãos e os pés amarrdos

Publicado em 02/06/2018, às 12h35

A irmã da vítima, Patrícia Silva, informou que o esposo de Jaqueline foi quem encontrou o corpo enquanto fazia buscas com um grupo de pessoas / Foto: Cortesia
A irmã da vítima, Patrícia Silva, informou que o esposo de Jaqueline foi quem encontrou o corpo enquanto fazia buscas com um grupo de pessoas
Foto: Cortesia
JC Online

Um homem foi preso suspeito de ter matado e amarrado uma jovem de 19 anos que estava desaparecida desde a última terça-feira (2) em Garanhuns, no Agreste do Estado. Segundo a Polícia Civil, ele foi preso ainda na noite dessa sexta-feira (1º), após o corpo ser encontrado.

O corpo de Maria Jaqueline da Silva foi encontrado com mãos e pés amarrados em um matagal próximo à sua residência. Ela estava sem roupas e amarrada em uma árvore. A polícia ainda informou que a jovem foi morta no dia de seu desaparecimento e que na mesma data a mãe e o esposo dela denunciaram seu desaparecimento.



A irmã da vítima, Patrícia Silva, informou que o esposo de Jaqueline foi quem encontrou o corpo enquanto fazia buscas com um grupo de pessoas.

Mais detalhes sobre o caso serão divulgados pela Polícia Civil nesta segunda-feira (4).

 


Palavras-chave




Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.

OFERTAS

Especiais JC

Especial Tempo de Férias Especial Tempo de Férias
O tempo das férias finalmente chegou e com ele os vários planos sobre o que fazer no período livre. O JC traz algumas dicas de como otimizar o período para voltar renovado do merecido descanso.
Copa América no Brasil Copa América no Brasil
Confira a relação da Copa América com o Brasil, o histórico e detalhes da edição deste ano, na qual a seleção terá que se virar sem Neymar, cortado do torneio. Catar e Japão participam como convidados
O nome dele era Gabriel Diniz O nome dele era Gabriel Diniz
José Gabriel de Souza Diniz, o Gabriel Diniz, ou simplesmente GD como os fãs o chamavam, morreu precocemente, aos 28 anos, em um acidente com um pequeno avião no litoral sul de Sergipe ocorrido na segunda-feira, 27 de maio de 2019.

    SIGA-NOS

    LICENCIAMENTO

  • Para solicitação de licenciamento, contactar editores@ne10.com.br

Jornal do Commercio 2019 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE |

PRIVACIDADE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM