Jornal do Commercio
CRIME

Vídeo: câmeras flagram ação de ladrões de bancos em Surubim

A polícia está reunindo pistas que possam levar a grupo criminoso responsável pela explosão de quatro agências na cidade

Publicado em 11/07/2018, às 14h07

Bandidos estavam fortemente armados / Foto: Reprodução / TV Jornal
Bandidos estavam fortemente armados
Foto: Reprodução / TV Jornal
JC Online
Com informações da TV Jornal

Câmeras de segurança do comércio da Rua João Batista, centro de Surubim, no Agreste de Pernambuco, registraram a ação de bandidos no momento em que eles explodiram as agências do Banco do Brasil, Bradesco, Caixa Econômica Federal e Santander na madrugada da terça-feira (10). Durante toda a tarde do mesmo dia, a polícia esteve no local recolhendo o que sobrou do material usado pelos criminosos no roubo. Os itens foram encaminhados para o Batalhão de Operações Especiais da Polícia Militar (PM).

Diferentemente de outras ações, dessa vez o objetivo dos ladrões não foi explodir os caixas eletrônicos, mas os próprios cofres das agências bancárias. De acordo com testemunhas, pelo menos 40 homens fortemente armados participaram do roubo.



Grupo fez reféns e trocou tiros com a polícia

O grupo teria cercado o batalhão da PM localizado na cidade, informação desmentida pela polícia. Ainda segundo os policiais, a quadrilha teria feito sete reféns durante as explosões, e por isso não houve reação “à altura” por parte da PM. Na fuga, os bandidos trocaram tiros com os policiais e chegaram a tocar fogo em uma caminhonete.





Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.

OFERTAS

Especiais JC

Especial Tempo de Férias Especial Tempo de Férias
O tempo das férias finalmente chegou e com ele os vários planos sobre o que fazer no período livre. O JC traz algumas dicas de como otimizar o período para voltar renovado do merecido descanso.
Copa América no Brasil Copa América no Brasil
Confira a relação da Copa América com o Brasil, o histórico e detalhes da edição deste ano, na qual a seleção terá que se virar sem Neymar, cortado do torneio. Catar e Japão participam como convidados
O nome dele era Gabriel Diniz O nome dele era Gabriel Diniz
José Gabriel de Souza Diniz, o Gabriel Diniz, ou simplesmente GD como os fãs o chamavam, morreu precocemente, aos 28 anos, em um acidente com um pequeno avião no litoral sul de Sergipe ocorrido na segunda-feira, 27 de maio de 2019.

    SIGA-NOS

    LICENCIAMENTO

  • Para solicitação de licenciamento, contactar editores@ne10.com.br

Jornal do Commercio 2019 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE |

PRIVACIDADE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM