Jornal do Commercio
ZONA OESTE

Grupo suspeito de furtos em comércio de Afogados é alvo da polícia

Operação Subtracta prendeu 12 pessoas envolvidas em furtos contra estabelecimentos como supermercados e lojas de celulares, na região de Afogados

Publicado em 07/08/2018, às 11h30

As ações do grupo tinham como alvo principal estabelecimentos comerciais e residênciais / Foto: Reprodução/Polícia Civil
As ações do grupo tinham como alvo principal estabelecimentos comerciais e residênciais
Foto: Reprodução/Polícia Civil
JC Online

Foi apresentado na manhã desta terça-feira (7) o resultado da Operação Subtracta, que prendeu um grupo criminoso voltado a pratica de furtos a estabelecimentos comerciais e residenciais em Afogados, na Zona Oeste do Recife. Segundo informações da Polícia Civil, 10 pessoas foram presas, entre elas uma mulher, e dois adolescentes apreendidos.

Os criminosos tinham como alvo principal estabelecimentos como supermercados e lojas de celulares. De acordo com a Polícia Civil, as ações desse grupo geraram um prejuízo estimado em mais de R$ 200 mil.

As ações dessa quadrilha já vinham sendo investigadas há cerca de três meses pela Polícia. O delegado Igor Leite detalha que todos os assaltantes se conheciam, o que facilitava a comunicação entre eles. “Uma característica desse grupo era que, além de praticarem as vendas dos produtos que eles furtavam, eles repassavam todas as informações de como ter acesso a esses estabelecimentos e como e qual portão eles arrombavam”, explicou.



Alguns desses crimes, flagrados por câmeras de segurança dos locais em que aconteciam as ações, chegaram a ser feitos por três dias seguidos no mesmo estabelecimento. Entre os produtos, cigarros e celulares eram os mais furtados pelos indivíduos. Nas imagens acima, é possível ver uma ação na madrugada do dia nove de julho.

Das 10 pessoas presas, três foram liberadas após audiência de custódia. A maioria dos suspeitos já tem passagens pela polícia por furtos qualificados nessa mesma região.

Outras participações

A Delegacia de Afogados também apura a participação de receptores, que seriam os seguranças dos estabelecimentos que foram alvo dessas ações.




Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.

OFERTAS

Especiais JC

Irmã Dulce e as lições que se multiplicam Irmã Dulce e as lições que se multiplicam
A Santa Dulce dos Pobres deixou um legado enorme por todo o país, e não poderia ser diferente em Pernambuco. Veja exemplos de quem segue o "anjo bom da Bahia"
Jackson era grande demais para um pandeiro Jackson era grande demais para um pandeiro
Em pouco tempo, Jackson do Pandeiro deixou claro que não se tratava apenas de uma voz a mais no cenário artístico pernambucano. Confira especial sobre o artista
Especial Novo Clima Especial Novo Clima
O inverno não é mais o mesmo. E nem o verão. Os efeitos da crise climática alteraram a rotina de milhares de cidadãos das grandes cidades. O JC traz reportagens especiais desvendando o "novo clima"

    SIGA-NOS

    LICENCIAMENTO

  • Para solicitação de licenciamento, contactar editores@ne10.com.br

Jornal do Commercio 2020 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE |

PRIVACIDADE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM