Jornal do Commercio
CNH FALSA

Idoso é preso pela PRF em Moreno com carteira de habilitação falsa

Ele confessou que conseguiu o documento falso com um despachante do Detran de Gravatá, no Agreste de Pernambuco

Publicado em 14/09/2018, às 14h31

O idoso poderá receber pena de dois anos e seis meses de reclusão / Foto: Cortesia/PRF
O idoso poderá receber pena de dois anos e seis meses de reclusão
Foto: Cortesia/PRF
JC Online

Um idoso, de 60 anos, foi preso pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) por uso de documento falso. Ele transitava pela BR 232, em Moreno, na Região Metropolitana do Recife, nesta sexta-feira (14), quando foi abordado pelos agentes que identificaram a falsificação.

O motorista foi abordado no quilômetro 27 da rodovia, e quando os agentes solicitaram que o idoso apresentasse a documentação pessoal, ele entregou um documento falso, que em seguida foi constatado que os dados eram inválidos. “A Carteira Nacional de Habilitação (CNH), apresentada chamou a atenção dos policiais rodoviários federais, pois possuía diversas informações conflitantes”, relata a assessoria da  PRF.



Emissão ilegal de documento

Em depoimento, o motorista confessou que o documento não era verdadeiro. De acordo com a corporação, ele informou que obteve o documento por meio de um despachante do Departamento Estadual de Trânsito (Detran) de Gravatá, no Agreste de Pernambuco.

O senhor foi conduzido à delegacia de Polícia Civil de Moreno, onde pode receber a pena de dois anos e seis meses de reclusão, e multa. A polícia segue com as investigações para identificar o suspeito de emitir o documento ilegalmente.


Palavras-chave




Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

Vida fit todo dia Vida fit todo dia
Apesar de a abertura do Verão no Brasil só acontecer em dezembro, no Nordeste há uma antecipação da data. Por esse motivo, que tal aproveitar esses meses de energia para cultivar bons hábitos e mudar o estilo de vida? Veja várias dicas de como se cuidar
BRT: E agora? BRT: E agora?
Ele está ferido, sofrido. Esquecido. E sem perspectivas de melhoria. Tem sobrevivido como é possível e, apenas pontualmente, esboça reações positivas. O sistema BRT, Bus Rapid Transit, tem sofrido de inanição em todo o País. E poderá se perder.
Especial educação Especial educação
E se você descobrisse que o futuro ligado às tendências que irão norteá-lo já chegou? O mundo hoje é um mar de oportunidades, para conhecimento, informação e inovação. Cada vez mais o profissional precisa evoluir. Por isso veja o caminho a seguir

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2018 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM