Jornal do Commercio
Zona da Mata

Casa lotérica é alvo de tentativa de assalto em Itambé

A investida foi frustrada após policiais da delegacia ao lado da lotérica trocarem tiros com os criminosos

Publicado em 11/10/2018, às 17h55

Casa lotérica fica ao lado da delegacia de Itambé, na Zona da Mata do Estado / Foto: Reprodução/Google Street View
Casa lotérica fica ao lado da delegacia de Itambé, na Zona da Mata do Estado
Foto: Reprodução/Google Street View
JC Online

Uma casa lotérica, que fica ao lado da delegacia da cidade de Itambé, Zona da Mata de Pernambuco, foi alvo de criminosos na tarde desta quinta-feira (11). De acordo com a polícia, a investida foi frustrada após o efetivo trocar tiros com os suspeitos.

Por volta das 16h, três homens ainda não identificados chegaram à casa lotérica, mas quando estavam tentando levar o dinheiro, foram impedidos por policiais e conseguiram fugir.



Troca de tiros

Para impedir que dinheiro fosse levado, os policiais civis trocaram tiros com os criminosos, que abandonaram notas de dinheiro pelas ruas da cidade. A delegacia de Itambé ainda vai investigar se os assaltantes conseguiram levar algum valor com eles. Segundo a polícia, é possível que algum dos homens envolvidos na tentativa de assalto tenha sido atingido durante a troca de tiros.





Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

Copa América no Brasil Copa América no Brasil
Confira a relação da Copa América com o Brasil, o histórico e detalhes da edição deste ano, na qual a seleção terá que se virar sem Neymar, cortado do torneio. Catar e Japão participam como convidados
O nome dele era Gabriel Diniz O nome dele era Gabriel Diniz
José Gabriel de Souza Diniz, o Gabriel Diniz, ou simplesmente GD como os fãs o chamavam, morreu precocemente, aos 28 anos, em um acidente com um pequeno avião no litoral sul de Sergipe ocorrido na segunda-feira, 27 de maio de 2019.
Conheça o udigrudi pernambucano Conheça o udigrudi pernambucano
O udigrudi pernambucano reuniu um grupo de talentosos jovens músicos que, na primeira metade dos anos 70, gravou discos absolutamente não comerciais, fez rock and roll na terra do frevo, produziu festivais, insistiram na permanência do sonho.

    SIGA-NOS

    LICENCIAMENTO

  • Para solicitação de licenciamento, contactar editores@ne10.com.br

Jornal do Commercio 2019 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE |

PRIVACIDADE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM