Jornal do Commercio
Queda

Número de Crimes Violentos contra o Patrimônio cai 30% em PE, diz SDS

Segundo a SDS, o número de ocorrências em setembro de 2018 é 30,38% menor em relação a setembro de 2017

Publicado em 11/10/2018, às 21h12

Segundo o levantamento, no mês passado foram registrados 6.695 CVPs no Estado / Foto: SDS
Segundo o levantamento, no mês passado foram registrados 6.695 CVPs no Estado
Foto: SDS
JC Online

A Secretaria de Defesa Social (SDS) divulgou, nesta quinta-feira (11), os dados referentes aos Crimes Violentos contra o Patrimônio (CVPs) cometidos em Pernambuco em setembro de 2018. Segundo o levantamento, no mês passado foram registrados 6.695 CVPs no Estado. O número é 30,38% menor em relação a setembro de 2017, quando foram registrados 9.617 CVPs, de acordo com a SDS.

Segundo a pasta, o índice de CVPs em setembro de 2018 é o menor desde abril de 2015.

Nos últimos meses

Em todo Estado, de janeiro a setembro de 2018, foram 72.500 Crimes Violentos contra o Patrimônio. No mesmo período no ano passado, foram registrados 95.062.



No Agreste, o número passou de 17.402 em 2017 para 12.783 casos em 2018.

Na Região Metropolitana (excetuando-se a capital), os casos caíram de 32.812 CVPs em 2017 para 24.752 em 2018.

Na Zona da Mata, o número foi de 11.309 em 2017 para 9.202 em 2018.

No Sertão, as ocorrências caíram de 5.008 em 2017 para 4.178 em 2018.

Somente no Recife, o número foi de 32.812 em 2017 para 24.752 em 2018.

Menos assaltos a ônibus

Segundo a SDS, os registros de assaltos a ônibus foram os mais baixos desde outubro de 2014. As investidas contra o transporte coletivo tiveram, em setembro, o menor número de ocorrências em uma série histórica de 46 meses, com 44 casos. Em comparação com setembro do ano passado, que registrou 75 registros, a redução foi 41%. Entre os meses de janeiro e setembro de 2018, houve 679 roubos a ônibus no Estado.





Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

Copa América no Brasil Copa América no Brasil
Confira a relação da Copa América com o Brasil, o histórico e detalhes da edição deste ano, na qual a seleção terá que se virar sem Neymar, cortado do torneio. Catar e Japão participam como convidados
O nome dele era Gabriel Diniz O nome dele era Gabriel Diniz
José Gabriel de Souza Diniz, o Gabriel Diniz, ou simplesmente GD como os fãs o chamavam, morreu precocemente, aos 28 anos, em um acidente com um pequeno avião no litoral sul de Sergipe ocorrido na segunda-feira, 27 de maio de 2019.
Conheça o udigrudi pernambucano Conheça o udigrudi pernambucano
O udigrudi pernambucano reuniu um grupo de talentosos jovens músicos que, na primeira metade dos anos 70, gravou discos absolutamente não comerciais, fez rock and roll na terra do frevo, produziu festivais, insistiram na permanência do sonho.

    SIGA-NOS

    LICENCIAMENTO

  • Para solicitação de licenciamento, contactar editores@ne10.com.br

Jornal do Commercio 2019 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE |

PRIVACIDADE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM