Jornal do Commercio
Abuso sexual

Professor admitiu ter mantido relações com menores, diz polícia

Ele foi localizado após a família de uma vítima, de 11 anos, procurar a delegacia do bairro

Publicado em 21/12/2018, às 19h01

De acordo com a delegada, o professor estrangeiro confessou o crime, mas disse que achava que as meninas eram mais velhas / Foto: Reprodução / PCPE
De acordo com a delegada, o professor estrangeiro confessou o crime, mas disse que achava que as meninas eram mais velhas
Foto: Reprodução / PCPE
JC Online

O professor norte-americano preso por estupro de vulnerável contra duas meninas em Boa Viagem, Zona Sul do Recife, nesta sexta-feira (21), admitiu, segundo a polícia, ter mantido relações sexuais com menores de idade. Ele foi localizado após a família de uma vítima, de 11 anos, procurar a delegacia do bairro.

"Durante todo o período em que conversamos, ele não negou que mantivesse relações sexuais com menores, mas disse que não achou que ela fosse tão jovem, que acreditou que tinha em torno de 14 ou 15 anos", explicou a delegada Beatriz Leite.

O homem foi encontrado em um flat após a família da vítima mais nova procurar a delegacia de Boa Viagem. "Minha equipe foi abordada por um casal de pais porque tinha descoberto que a filha de 11 tinha feito um programa sexual. Com o relato dos pais e ouvindo a menor, conseguimos identificar quem era o autor do crime", relatou a delegada Beatriz Leite.

A menina de 11 anos teria sido levada ao local por uma mais velha, de 13, nessa quinta-feira (20). As duas teriam recebido uma quantia em dinheiro. Ainda de acordo com a delegada, a garota mais velha já teria encontrado com o suspeito outras vezes. "A menina recebeu uma quantia de em dinheiro. Ela ganhava R$ 100 por cada outra criança que trouxesse para o apartamento desse professor", explicou a investigadora.



Segundo a delegada, antes do suposto abuso, o homem ofereceu bebida para as meninas. "Ele ofereceu bebida alcoólica para elas e elas fizeram uso e depois tiveram relações com ele. Ambas as menores tiveram relações com ele".

Turismo sexual

Ainda durante a coletiva, a delegada Beatriz Leite afirmou que o homem costumava viajar para países conhecidos como rota de turismo sexual. "Olhando o passaporte dele, a gente observou que ele faz visitas a muitos países que são conhecidos como rota de turismo sexual de menores. Provavelmente ele faz isso pelo mundo: se aproveita das viagens para manter relações sexuais com menores" relatou.

Contato pelas redes sociais

O homem entraria em contato com as possíveis vítimas através das redes sociais. "Ele tem amizade com muitas adolescentes, muitas jovens visivelmente menores de idade, a gente não sabe com quantas ele se relacionou", relatou. "Ele dá aula em um importante colégio da cidade e com certeza pode usar a profissão de professor para aliciar jovens", disse a delegada.

Autuado por estupro de vulnerável

O norte-americano foi autuado por estupro de vulnerável e teve a prisão preventiva decretada. "Mesmo que tenha sido consentido, como são menores de 14 anos foi um estupro de vulnerável, que não têm idade para discernir sobre esse tipo de coisa", relatou Beatriz Leite. 

 


Palavras-chave


OFERTAS

Especiais JC

Conheça o udigrudi pernambucano Conheça o udigrudi pernambucano
O udigrudi pernambucano reuniu um grupo de talentosos jovens músicos que, na primeira metade dos anos 70, gravou discos absolutamente não comerciais, fez rock and roll na terra do frevo, produziu festivais, insistiram na permanência do sonho.
Mãe Guerreira Mãe Guerreira
Junto com uma criança, nasce sempre uma mãe, que enfrenta inúmeros desafios para educar, acolher e dar o melhor aos filhos. Por isso, todas elas carregam em si a força e a coragem de verdadeiras guerreiras.
JC 100 anos JC 100 anos
Para marcar os 100 anos de fundação, o JC publica este especial com um panorama do que se passou neste período em que o jornal retratou o mundo, com projeções de especialistas sobre o que vem por aí e com os bastidores da Redação do Jornal do Commercio

    SIGA-NOS

    LICENCIAMENTO

  • Para solicitação de licenciamento, contactar editores@ne10.com.br

Jornal do Commercio 2019 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE |

PRIVACIDADE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM