Jornal do Commercio
RMR

Motociclista morre após ser atingido por linha com cerol na BR-101, em Jaboatão

O motociclista, de 38 anos, sofreu ferimentos no pescoço. Esta não é a primeira vez que acidentes do tipo acontecem na BR-101

Publicado em 23/12/2018, às 20h54

Em 2017, também na BR-101, um outro motociclista foi vítima de linha com cerol e chegou a ser internado em estado grave / Foto: Alexandre Lopes/ Especial para o JC
Em 2017, também na BR-101, um outro motociclista foi vítima de linha com cerol e chegou a ser internado em estado grave
Foto: Alexandre Lopes/ Especial para o JC
JC Online

Um motociclista de 38 anos morreu com um ferimento no pescoço no fim da tarde deste domingo (23), na BR-101 em Jaboatão dos Guararapes, Região Metropolitana do Recife. De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF) a suspeita é que a vítima tenha sido atingida por uma linha de pipa com cerol.

Segundo testemunhas, o homem, que não teve a identidade revelada, estava pilotando a moto quando foi atingido por uma linha de pipa com cerol. O incidente aconteceu por volta das 17h, em frente ao Fórum Desembargador Henrique Capitulino.



A PRF foi acionada mas, ao chegar no local, o homem já havia falecido. A Polícia Militar também esteve na ocorrência.

Casos anteriores

Em Outubro, outro motociclista ficou ferido após ser atingido por uma linha com cerol em Olinda. O caso aconteceu na Avenida Agamenon Magalhães, no bairro de Salgadinho. De acordo com o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), o homem de 27 anos, chegou a apresentar ferimentos no nariz e na mão.

Em 2017, também na BR-101, um outro motociclista foi vítima de linha com cerol. Adalberto Fernando, 32 anos, foi atingido enquanto BR-101, no Jordão, Zona Sul do Recife. Ele sofreu um corte profundo no pescoço e chegou a ficar hospitalizado em estado grave no Hospital Getúlio Vargas, Zona Oeste do Recife.

Palavras-chave




Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.

OFERTAS

Especiais JC

Irmã Dulce e as lições que se multiplicam Irmã Dulce e as lições que se multiplicam
A Santa Dulce dos Pobres deixou um legado enorme por todo o país, e não poderia ser diferente em Pernambuco. Veja exemplos de quem segue o "anjo bom da Bahia"
Jackson era grande demais para um pandeiro Jackson era grande demais para um pandeiro
Em pouco tempo, Jackson do Pandeiro deixou claro que não se tratava apenas de uma voz a mais no cenário artístico pernambucano. Confira especial sobre o artista
Especial Novo Clima Especial Novo Clima
O inverno não é mais o mesmo. E nem o verão. Os efeitos da crise climática alteraram a rotina de milhares de cidadãos das grandes cidades. O JC traz reportagens especiais desvendando o "novo clima"

    SIGA-NOS

    LICENCIAMENTO

  • Para solicitação de licenciamento, contactar editores@ne10.com.br

Jornal do Commercio 2020 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE |

PRIVACIDADE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM