Jornal do Commercio
Grande Recife

Em Moreno, padrasto mata enteados a facadas

O suspeito ainda teria tentado ferir uma menina de 12 anos, irmã das crianças assassinadas

Publicado em 03/01/2019, às 07h47

O crime aconteceu na Vila Holandesa, em Moreno, no Grande Recife / Foto: Luiz Carlos Oliveira/TV Jornal
O crime aconteceu na Vila Holandesa, em Moreno, no Grande Recife
Foto: Luiz Carlos Oliveira/TV Jornal
JC Online
Com informações da TV Jornal

Uma criança de 11 anos e uma adolescente de 13 foram mortas a facadas pelo próprio padrasto nesta quinta-feira (3), na Vila Holandesa, em Moreno, na Região Metropolitana do Recife (RMR). Segundo a Polícia Civil, o homem teria cometido o crime porque estava com raiva da mãe das crianças, que estaria em Itamaracá, também na RMR, desde o réveillon.

De acordo com testemunhas, o homem, identificado como Robson José dos Prazeres, ainda teria tentado ferir uma menina de 9 anos, irmã das crianças assassinadas.



Suspeito detido

O suspeito foi encontrado pela polícia andando pelas ruas sem camisa, atordoado e com uma faca na mão. Ele foi detido e levado para o Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), no bairro do Cordeiro, Zona Oeste do Recife. Os policiais acreditam que Robson estaria drogado.

À TV Jornal, o perito do Instituto de Criminalística (IC), Fernando Benevides, disse que na casa, onde aconteceu o crime, há sinais de violência. "Muito sangue em toda residência. Nós estamos realizando a perícia e em breve daremos mais informações", afirmou Benevides.


Galeria de imagens

Legenda
Anteriores
Próximas





Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

Copa América no Brasil Copa América no Brasil
Confira a relação da Copa América com o Brasil, o histórico e detalhes da edição deste ano, na qual a seleção terá que se virar sem Neymar, cortado do torneio. Catar e Japão participam como convidados
O nome dele era Gabriel Diniz O nome dele era Gabriel Diniz
José Gabriel de Souza Diniz, o Gabriel Diniz, ou simplesmente GD como os fãs o chamavam, morreu precocemente, aos 28 anos, em um acidente com um pequeno avião no litoral sul de Sergipe ocorrido na segunda-feira, 27 de maio de 2019.
Conheça o udigrudi pernambucano Conheça o udigrudi pernambucano
O udigrudi pernambucano reuniu um grupo de talentosos jovens músicos que, na primeira metade dos anos 70, gravou discos absolutamente não comerciais, fez rock and roll na terra do frevo, produziu festivais, insistiram na permanência do sonho.

    SIGA-NOS

    LICENCIAMENTO

  • Para solicitação de licenciamento, contactar editores@ne10.com.br

Jornal do Commercio 2019 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE |

PRIVACIDADE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM