Jornal do Commercio
Notícia
COCAÍNA

Homem é preso transportando cocaína dentro de móvel em Pernambuco

Os 8 kg de cocaína estavam escondidos na estrutura do móvel

Publicado em 18/06/2019, às 08h20

O destino final da droga era o Recife.  / Foto: Polícia Federal/Divulgação
O destino final da droga era o Recife.
Foto: Polícia Federal/Divulgação
JC Online

A Polícia Federal em Pernambuco divulgou, nesta terça-feira (18), a prisão de um homem por tráfico interestadual de drogas. Wellington Afonso de Lima Oliveira, 20, foi preso na última sexta-feira (14), em Xexéu, na Mata Sul, transportando cerca de 8kg de cocaína dentro de um rack de madeira. O destino final da carga era o Recife.

O suspeito estava em um ônibus que fazia o trecho São Paulo - João Pessoa quando barreiras policiais que faziam fiscalização de rotina na BR-101, área que costuma ser utilizado como rota para o tráfico interestadual de drogas, pararam o veículo. Durante a fiscalização, um cão farejador indicou algo no rack que pertencia ao passageiro Wellington.



Com peso além do normal, o móvel levantou ainda mais suspeitas e, utilizando uma furadeira, os policiais encontraram a droga dentro de quatro partes do rack. O rapaz foi preso em flagrante, teve a prisão preventiva decretada e foi levado para o Centro de Observação e Triagem Professor Everardo Luna (Cotel) onde ficará à disposição da Justiça Estadual. Se for condenado, ele pode pegar de cinco a 15 anos de prisão.

Depoimento 

Durante o depoimento, Wellington, que é natural de Irecê, na Bahia, mas mora em São Paulo e está desempregado, contou que receberia R$ 3 mil pelo transporte da droga. Ainda de acordo com o depoimento dele, uma mulher o convenceu a levar os 8 kg de cocaína e ele ainda não sabia quem receberia a droga no Recife, mas que aceitou porque está passando por problemas financeiros.




Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.

OFERTAS

Especiais JC

Irmã Dulce e as lições que se multiplicam Irmã Dulce e as lições que se multiplicam
A Santa Dulce dos Pobres deixou um legado enorme por todo o país, e não poderia ser diferente em Pernambuco. Veja exemplos de quem segue o "anjo bom da Bahia"
Jackson era grande demais para um pandeiro Jackson era grande demais para um pandeiro
Em pouco tempo, Jackson do Pandeiro deixou claro que não se tratava apenas de uma voz a mais no cenário artístico pernambucano. Confira especial sobre o artista
Especial Novo Clima Especial Novo Clima
O inverno não é mais o mesmo. E nem o verão. Os efeitos da crise climática alteraram a rotina de milhares de cidadãos das grandes cidades. O JC traz reportagens especiais desvendando o "novo clima"

    SIGA-NOS

    LICENCIAMENTO

  • Para solicitação de licenciamento, contactar editores@ne10.com.br

Jornal do Commercio 2020 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE |

PRIVACIDADE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM