Jornal do Commercio
Notícia
IMUNIZAÇÃO

Veja onde se vacinar contra o sarampo à noite no Recife

Quem nunca teve sarampo, não está com o esquema da vacinação completo ou não se lembra se tomou as vacinas deve procurar os locais de vacinação

Publicado em 03/09/2019, às 10h49

Para se vacinar contra o sarampo, além das unidades que estão com horário ampliado, as salas de vacinação nos postos de saúde do Recife podem ser procuradas / Foto: Ricardo B. Labastier/Acervo JC Imagem
Para se vacinar contra o sarampo, além das unidades que estão com horário ampliado, as salas de vacinação nos postos de saúde do Recife podem ser procuradas
Foto: Ricardo B. Labastier/Acervo JC Imagem
JC Online

Atualizada às 16h18

Desde essa segunda-feira (2), oito unidades de saúde do Recife tiveram o horário de vacinação ampliado. Agora elas funcionam até as 21h. A ampliação acontece devido ao aumento pela procura da tríplice viral, que oferece proteção contra o sarampo – doença que colocou a cidade no mapa das que estão, segundo o Ministério da Saúde, em situação de surto ativo no Brasil.

A capital pernambucana tem dois casos confirmados da doença. No último ano, a cidade não alcançou a meta de 95% recomendada pela Organização Mundial da Saúde (OMS), considerando o esquema completo de vacinação: duas doses. Na primeira aplicação, dada aos 12 meses de vida, a cobertura foi adequada (101,7%); na segunda, contudo, aos 15 meses, o índice ficou em 67%.

Foco nas crianças

Por isso o horário estendido dos postos tem como foco, segundo a Secretaria de Saúde do Recife, a vacinação das crianças, que são o grupo mais vulnerável ao adoecimento e complicações pelas formas graves do sarampo, especialmente pelo fato de as coberturas da tríplice viral estarem ainda mais baixas este ano: a primeira dose permanece em 87%; a segunda, em 67%. Confira a lista das unidades com horários estendidos:

Segunda-feira

Policlínicas Waldemar de Oliveira (Santo Amaro) e a Salomão Kelner (Água Fria)

Terça-feira

Policlínica Salomão Kelner (Água Fria) e a Clementino Fraga (Vasco da Gama)

Quarta-feira

Policlínica Lessa de Andrade (Madalena) e na Policlínica Agamenon Magalhães (Afogados)

Quinta-feira

Centro de Saúde Professor Sebastião Ivo Rabelo (Cohab) e o Centro de Saúde Professor Joaquim Cavalcanti (Torrões)

Sexta-feira

Policlínica Albert Sabin (Tamarineira) e a Policlínica Salomão Kelner (Água Fria)

Outras salas de vacinação

Para se vacinar contra o sarampo, além das unidades que estão com horário ampliado, as salas de vacinação nos postos de saúde do Recife podem ser procuradas por qualquer cidadão. Elas funcionam de segunda a sexta, das 8h às 17h, fechando uma hora para almoço.

Quem está apresentando sintomas do sarampo não deve se vacinar. O recomendado, nesse caso, é que a pessoa procure o Hospital Universitário Oswaldo Cruz (Huoc), no bairro de Santo Amaro, área central do Recife. O Huoc é referência no tratamento da doença.



Indicações

O calendário de vacinação de rotina em relação à tríplice viral é: 1ª dose aos 12 meses; 2ª dose aos 15 meses. Em agosto, o Ministério da Saúde recomendou também a vacinação das crianças entre 6 meses e 11 meses em todo o Brasil. Meninos e meninas dessa faixa etária devem tomar uma dose da tríplice viral. Essa é a “dose zero”, sendo necessário seguir o esquema básico de vacinação a partir dos 12 meses.

Quem nunca teve sarampo, não está com o esquema da vacinação completo ou perdeu o cartão e não se lembra se tomou as vacinas deve procurar os locais de vacinação. As doses estão disponíveis, ao longo do ano, nas salas de vacina Recife. “É importante guardar o cartão como se fosse um documento, pois ele é essencial para a vida inteira”, reforçou a coordenadora do PNI Recife, Elizabeth Azoubel.

"Se as crianças tiverem a cobertura de 95% nas duas doses de tríplice viral, o efeito protetor se estende para o resto da população”, destaca o secretário de Saúde do Recife, Jailson Correia.

Pouca vacina?

Em relação à pouca quantidade de vacina nos postos de saúde, o JC esteve em algumas unidades para verificar a situação. No entanto, o que acontece é que os postos trabalham com determinada quantidade de doses da tríplice viral e, quando acaba, é feito o pedido para a Secretaria Estadual de Saúde (SES), que envia novamente a vacina para os municípios, fazendo o repasse para os postos de saúde.

Nos postos de saúde checados pela reportagem, a reposição era feita rapidamente.




Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.

OFERTAS

Especiais JC

Especial Nova Rotação Especial Nova Rotação
As cidades estão entrando em colapso. Refletem o resultado da mobilidade urbana convencional, um mal incorporado à sociedade e de difícil enfrentamento.Mas o momento de inverter essa lógica é agora. Criar uma nova rotação para as cidades, para as pessoas
JC Recall de Marcas 2019 JC Recall de Marcas 2019
Pitú e Vitarella são as marcas mais lembradas pelo consumidor pernambucano, de acordo com a edição 2019 do Prêmio JC Recall de Marcas. O ranking foi feito a partir de levantamento do Harrop Pesquisa para o Jornal do Commercio.
Especial Tempo de Férias Especial Tempo de Férias
O tempo das férias finalmente chegou e com ele os vários planos sobre o que fazer no período livre. O JC traz algumas dicas de como otimizar o período para voltar renovado do merecido descanso.

    SIGA-NOS

    LICENCIAMENTO

  • Para solicitação de licenciamento, contactar editores@ne10.com.br

Jornal do Commercio 2019 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE |

PRIVACIDADE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM