Jornal do Commercio
Notícia
Imunização

Campanha de vacinação contra sarampo para pessoas entre 5 e 19 anos tem início nesta segunda

Em 2019, Pernambuco teve 315 confirmações de sarampo e outros 240 casos permanecem em investigação

Publicado em 09/02/2020, às 12h23

A campanha é destinada às pessoas de 5 a 19 anos e segue até o dia 13 de março / Foto: Felipe Ribeiro/JC Imagem
A campanha é destinada às pessoas de 5 a 19 anos e segue até o dia 13 de março
Foto: Felipe Ribeiro/JC Imagem
Mayra Cavalcanti
Do JC Online

Em mais uma tentativa de conter o avanço do sarampo em Pernambuco, a Secretaria Estadual de Saúde (SES) dá início, nesta segunda-feira (10), a uma campanha de vacinação voltada ao público de 5 a 19 anos. Quem está nesta faixa etária deve procurar um posto de saúde e realizar a vacinação, que ocorre em duas doses da tríplice viral, com um intervalo de 30 dias entre elas. A ação, que segue até o dia 13 de março, é voltada para as pessoas que nunca foram imunizadas contra a doença, ou que estão com a caderneta desatualizada.

"Vamos estar reforçando este público, entre 5 e 19 anos, principalmente o adolescente. A tríplice viral é de rotina. Mês a mês distribuímos cerca de 100 mil vacinas. Para esta campanha, como vão ter estas doses extras, encaminhamos mais 200 mil, totalizando 300 mil", afirma a superintendente das Doenças Imunopreveníveis e Imunizações da SES-PE, Ana Catarina de Melo. Ela explica que, apesar de a campanha ter um público-alvo, qualquer pessoa que esteja dentro da determinação do Ministério da Saúde pode procurar um posto de saúde para tomar a vacina.

A tríplice viral protege contra sarampo, caxumba e rubéola e é disponibilizada de rotina para o público de 6 a 11 meses, que é a chamada "dose zero". Ao completar um ano, deve ser feita a primeira dose, com reforço aos 15 meses. Para as pessoas entre 2 e 29 anos, que não foram vacinadas, o esquema é composto por duas doses, com um intervalo de 30 dias entre elas. Os adultos de 30 a 49 anos não imunizados devem tomar apenas uma dose. Profissionais de saúde precisam de esquema feito com duas doses.

"A medida mais segura e eficaz para combater o sarampo é a vacina. Nós precisamos manter a população muito bem vacinada. As pessoas circulam o tempo todo, temos sarampo em vários países do mundo e as pessoas viajam. É importante que a população esteja imunizada, porque assim, poderá circular e não vamos ter risco de adoecimento", declara Ana Catarina. Em 2019, foram aplicadas 808.920 doses da vacina tríplice viral em Pernambuco, número 54% maior do que o mesmo período de 2018, quando 524.356 doses foram administradas.



Casos confirmados em Pernambuco em 2020

Esta é a terceira campanha realizada desde 2019 no Estado. As outras ações foram voltadas para pessoas de 6 meses a 4 anos e para os jovens de 20 a 29 anos. De acordo com a SES, está prevista mais uma campanha, que será realizada a partir de 3 agosto de 2020, e terá como público-alvo as pessoas entre os 30 e 59 anos. Segundo o Ministério da Saúde, Pernambuco é um dos nove estados que têm casos confirmados de sarampo este ano. Foram registrados 46 casos suspeitos, dos quais três (6,5%) foram confirmados, 16 (34,8%) descartados e 27 (58,7%) em investigação.

Os casos aconteceram nos municípios de Paulista (dois) e Olinda (um), ambos no Grande Recife. Os adoecimentos registrados em Paulista são de gêmeas de apenas um ano. Elas não têm histórico de vacinação com a tríplice viral, apesar de a dose zero ter começado a ser ofertada, no ano passado, a bebês a partir dos 6 meses. Ambas estão bem, precisaram ser internadas, mas receberam alta hospitalar. Em Olinda, a paciente é uma mulher de 23 anos.

"Em Pernambuco, nós temos uma boa taxa da primeira dose da vacina, dentro da meta, superior a 95%, mas, em relação à segunda dose, nós ainda estamos precisando dar um reforço. É muito importante que as pessoas que não tenham o esquema vacinal completo, ou que tenham alguma dúvida sobre o esquema vacinal, procurem os postos de saúde a partir desta segunda-feira", comenta o secretário de saúde de Pernambuco, André Longo. Em 2019, Pernambuco teve 315 confirmações de sarampo e outros 240 casos permanecem em investigação. Também no ano passado, cerca de 760 mil doses da tríplice viral foram aplicadas.




Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.

OFERTAS

Especiais JC

Irmã Dulce e as lições que se multiplicam Irmã Dulce e as lições que se multiplicam
A Santa Dulce dos Pobres deixou um legado enorme por todo o país, e não poderia ser diferente em Pernambuco. Veja exemplos de quem segue o "anjo bom da Bahia"
Jackson era grande demais para um pandeiro Jackson era grande demais para um pandeiro
Em pouco tempo, Jackson do Pandeiro deixou claro que não se tratava apenas de uma voz a mais no cenário artístico pernambucano. Confira especial sobre o artista
Especial Novo Clima Especial Novo Clima
O inverno não é mais o mesmo. E nem o verão. Os efeitos da crise climática alteraram a rotina de milhares de cidadãos das grandes cidades. O JC traz reportagens especiais desvendando o "novo clima"

    SIGA-NOS

    LICENCIAMENTO

  • Para solicitação de licenciamento, contactar editores@ne10.com.br

Jornal do Commercio 2020 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE |

PRIVACIDADE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM