Jornal do Commercio
Notícia
SARAMPO

Saúde Ministério da Saúde quer eliminar sarampo do país até julho

Criança de 9 anos morreu no Rio de Janeiro vítima do sarampo

Publicado em 14/02/2020, às 20h09

Neste sábado (14), começa o Dia D de vacinação contra o sarampo / Foto: Agência Brasil
Neste sábado (14), começa o Dia D de vacinação contra o sarampo
Foto: Agência Brasil
Agência Brasil

O Ministério da Saúde estipulou como meta erradicar o sarampo até julho deste ano. A declaração do secretário de Vigilância em Saúde (SVS) do ministério, Wanderson de Oliveira, ocorreu nesta sexta-feira (14), após a morte de uma criança de 9 anos, no Rio de Janeiro. “Nossa meta é eliminar com o sarampo até 1º de julho de 2020. Para isso temos que ter adesão da população e dos gestores estaduais e municipais”.

>> Dia D contra o sarampo no Recife ocorre neste sábado (15); saiba onde tomar a vacina

>> Mais de 150 postos de saúde do Recife já estão abertos para oferecer vacina contra sarampo

O ministério lança neste sábado (15) o Dia D de vacinação contra o sarampo. O secretário-executivo da pasta, João Gabbardo, lamentou a morte da criança e acrescentou que a fatalidade serve de alerta para os pais e responsáveis vacinarem as crianças. “A morte dessa criança, tragicamente, é o maior alerta que a gente pode fazer para que os pais levem as crianças aos postos de saúde do Brasil inteiro para fazer a vacina”.



>>  Pernambuco vacina população de 5 a 19 anos contra sarampo neste sábado (15)

Casos de sarampo confirmados no Brasil

Segundo dados do ministério, o Brasil tem, atualmente 337 casos de sarampo registrados e confirmados. Foi feita uma campanha de mobilização contra o sarampo no ano passado, mas Wanderson de Oliveira lamentou a baixa adesão entre os adultos. “O movimento foi preparado para eliminarmos o sarampo do território nacional. Então, começamos numa primeira fase com crianças menores de 5 anos. Depois, numa segunda fase, de 20 a 29 anos. Nessa fase, a vacinação foi muito baixa. Distribuímos 9 milhões de doses de vacina e fizemos pouco mais de 1,8 milhão”.

Público-alvo da campanha de vacinação deste sábado (14)

A campanha, cujo Dia D será neste sábado, tem como público-alvo pessoas de 5 a 19 anos, mas, após a morte no Rio de Janeiro, o chefe da SVS incentivou a vacinação de crianças a partir de seis meses. “A faixa etária de vacinação regular é 1 ano de idade, mas a gente vem desde o ano passado orientando vacinação de crianças acima de 6 meses até 11 meses e 29 dias”. Após esta fase da campanha, uma nova terá início, com vacinação de todas as idades. Há ainda a possibilidade de realizar uma campanha de dupla vacinação, com sarampo e influenza.




Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.

OFERTAS

Especiais JC

Irmã Dulce e as lições que se multiplicam Irmã Dulce e as lições que se multiplicam
A Santa Dulce dos Pobres deixou um legado enorme por todo o país, e não poderia ser diferente em Pernambuco. Veja exemplos de quem segue o "anjo bom da Bahia"
Jackson era grande demais para um pandeiro Jackson era grande demais para um pandeiro
Em pouco tempo, Jackson do Pandeiro deixou claro que não se tratava apenas de uma voz a mais no cenário artístico pernambucano. Confira especial sobre o artista
Especial Novo Clima Especial Novo Clima
O inverno não é mais o mesmo. E nem o verão. Os efeitos da crise climática alteraram a rotina de milhares de cidadãos das grandes cidades. O JC traz reportagens especiais desvendando o "novo clima"

    SIGA-NOS

    LICENCIAMENTO

  • Para solicitação de licenciamento, contactar editores@ne10.com.br

Jornal do Commercio 2020 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE |

PRIVACIDADE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM