Jornal do Commercio
Notícia
EMOÇÃO

Paixão de Cristo de José Pimentel estreia em Olinda

Espetáculo será encenado até o dia 21 de abril na Praça do Carmo

Publicado em 18/04/2019, às 21h59

Mais de 150 pessoas estão envolvidas na realização  / Foto: Filipe Jordão/JC Imagem
Mais de 150 pessoas estão envolvidas na realização
Foto: Filipe Jordão/JC Imagem
JC Online

Sob o olhar atento do público, a Paixão de Cristo de José Pimentel estreou na Praça do Carmo, em Olinda, nesta quinta-feira (18). A equipe, formada por 80 atores, 100 figurantes e 60 profissionais na parte técnica, chegou com a promessa de dar continuidade legado do diretor, dramaturgo e ator, que morreu em agosto do ano passado aos 84 anos.

Para Lilian Pimentel, filha de Pimentel, realizar o espetáculo em Olinda era um dos sonhos do dramaturgo. "Ele não está presente fisicamente, mas está aqui tudo o que ele quis, que ele sonhou", afirmou. "Olinda ter nos recebido é um presente para a gente e para José Pimentel. Eu só tenho que agradecer", comentou sobre o novo local do espetáculo. Anteriormente, a encenação acontecia no Marco Zero, mas foi transferida para a Cidade Alta após perder uma disputa para a Associação dos Produtores de Artes Cênicas de Pernambuco (Apacepe).

Apesar de continuar com o legado, novos elementos foram colocados em ação, como efeitos especiais, novas vestimentas e um novo cenário. Dirigido por José Francisco Filho, o espetáculo segue até o dia 21 de abril, tendo início as 20h. "Ninguém pode desassociar a Paixão de Cristo de José Pimentel", declarou o novo diretor. "Ele está olhando, está vendo a continuidade desse trabalho lindo que ele fez", completou.



Segundo Uirandey Lemos, secretário de turismo de Olinda, além de ser a primeira vez que a cidade recebe uma Paixão de Cristo do tamanho que é a de José Pimentel, o espetáculo vai trazer uma movimentação na economia local. "Eu imagino que em torno de 40 a 50 mil pessoas passem por aqui durante todo o período. Porque tem a encenação do espetáculo, mas tem também aqui o comércio que foi instalado. Então isso acaba criando uma ambiente onde as pessoas permanecem mais", disse.

Espectadora da Paixão de Cristo de Nova Jerusalém, Socorro Cavalcanti, de 56 anos, nunca tinha assistido ao espetáculo de José Pimentel no Marco Zero, mas compareceu na noite desta quinta-feira na Praça do Carmo para a estreia. "Está atendendo às nossas expectativas. Está muito bonito. O local é propício, a gente não precisa estar se movimentando muito e temos uma visão bem ampla e definida", comentou animada.

 



OFERTAS

Especiais JC

Conheça o udigrudi pernambucano Conheça o udigrudi pernambucano
O udigrudi pernambucano reuniu um grupo de talentosos jovens músicos que, na primeira metade dos anos 70, gravou discos absolutamente não comerciais, fez rock and roll na terra do frevo, produziu festivais, insistiram na permanência do sonho.
Mãe Guerreira Mãe Guerreira
Junto com uma criança, nasce sempre uma mãe, que enfrenta inúmeros desafios para educar, acolher e dar o melhor aos filhos. Por isso, todas elas carregam em si a força e a coragem de verdadeiras guerreiras.
JC 100 anos JC 100 anos
Para marcar os 100 anos de fundação, o JC publica este especial com um panorama do que se passou neste período em que o jornal retratou o mundo, com projeções de especialistas sobre o que vem por aí e com os bastidores da Redação do Jornal do Commercio

    SIGA-NOS

    LICENCIAMENTO

  • Para solicitação de licenciamento, contactar editores@ne10.com.br

Jornal do Commercio 2019 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE |

PRIVACIDADE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM