Jornal do Commercio
MORTE

Ator Sílvio Pinto será enterrado no Cemitério de Igarassu

Ele tinha 56 anos e também foi professor de teatro, língua portuguesa e literatura brasileira

Publicado em 11/07/2018, às 20h30

Sílvio Pinto em Cão Sem Plumas / Ivana Borges/Divulgação
Sílvio Pinto em Cão Sem Plumas
Ivana Borges/Divulgação
JC Online

O corpo do ator pernambucano Sílvio Pinto, que morreu nesta quarta-feira (11/7), aos 56 anos, está sendo velado no Cemitério de Santo Amaro e amanhã (12/7) será enterrado, às 9h,  no Cemitério de Igarassu, na Região Metropolitana do Recife, onde nasceu.

Sílvio estava lutando contra um câncer há mais de um ano. Ele iniciou a carreira de ator em São Paulo, aos 22 anos. Quando voltou para o Recife, continuou trabalhando com teatro, mas concluiu uma graduação em Letras, na Unicap. Em paralelo à carreira de ator, foi professor de português e literatura brasileira.

No teatro, encenou textos de Ronaldo Correia de Brito e Assis Lima (Arlequim de Carnaval) e João Cabral de Melo Neto (Cão Sem Plumas, em 2006, que estreou no Teatro Santa Isabel e depois percorreu o interior do Estado). Há dois anos, ele atuou na peça Obsessão, ao lado de Tarcísio Vieira, Nilza Lisboa, Simone Figueiredo e Diógenes D. Lima



CINEMA

Sua carreira no cinema esteve ligada aos diretores Cláudio Assis e Camilo Cavalcante. Para Claudio, ele fez um pastor protestante em Amarelo Manga e um guarda em Big Jato, um dos seus melhores papéis, contracenando com Matheus Nachetergaele. Com Camilo fez vários curtas-metragens, entre eles O Presidente dos Estados Unidos e My Way, que participou do Festival de Brasília de 2010. Camilo também dirigiu Sílvio no monólogo Cão Sem Plumas.

Silvio tinha 34 anos de carreira e também foi professor de Teatro. Nas redes sociais, amigos e colegas de profissão lamentaram sua morte precoce. Ele tinha um casal de filhos e um neto, além de outro que está a caminho, filho da jornalista Ana Beatriz, que mora nos Estados Unidos.





Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

Segunda chance - Caminhos para ressocializar Segunda chance - Caminhos para ressocializar
Eles saem das prisões, mas as prisões não saem deles. Perseguem-nos até o final de suas vidas. Como uma condenação perpétua. Pena. Eles lamentam. Mas precisam seguir. E neste difícil caminho da ressocialização, o trabalho é uma espécie de absolvição.
Papai Noel o ano inteiro Papai Noel o ano inteiro
As luzes na cidade anunciam que o Natal já chegou. É nesta época do ano que o espírito natalino faz aflorar alguns dos sentimentos mais nobres. Agora iremos contar histórias de pessoas, organizações e empresas que fizeram da solidariedade missão de vida
Vida fit todo dia Vida fit todo dia
Apesar de a abertura do Verão no Brasil só acontecer em dezembro, no Nordeste há uma antecipação da data. Por esse motivo, que tal aproveitar esses meses de energia para cultivar bons hábitos e mudar o estilo de vida? Veja várias dicas de como se cuidar

    SIGA-NOS

    LICENCIAMENTO

  • Para solicitação de licenciamento, contactar editores@ne10.com.br

Jornal do Commercio 2019 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE |

PRIVACIDADE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM