Jornal do Commercio
Premiação

'Pantera Negra' faz história ao concorrer a melhor filme no Globo de Ouro

Concorrendo na categoria de melhor filme de drama, 'Pantera Negra', blockbuster da Marvel, é o primeiro filme de herói a participar da disputa

Publicado em 07/12/2018, às 08h17

Pantera Negra concorre como melhor filme de drama no Globo de Ouro / Foto: Marvel/Divulgação
Pantera Negra concorre como melhor filme de drama no Globo de Ouro
Foto: Marvel/Divulgação
Luiz Carlos Merten, da Estadão Conteúdo

Você deve se lembrar das piadas do apresentador Jimmy Kimmel na última entrega do Oscar. A cada meia hora, ou menos, ele dizia que Pantera Negra havia agregado mais US$ 1 milhão à bilheteria e isso garantia que não teria chance no Oscar 2019. A Academia até tentou, anunciando este ano que ia criar um prêmio especial para blockbusters. Sofreu um vendaval de críticas. A Associação dos Correspondentes Estrangeiros de Hollywood não tem esse problema. Justamente Pantera Negra é um dos cinco indicados para concorrer na categoria de drama. Pela primeira vez, no Globo de Ouro, um super-herói está na disputa de melhor filme de drama.

O anúncio foi feito ontem, 6, em Los Angeles. E, embora há muito o Globo de Ouro tenha deixado de ser indicador seguro para o prêmio da Academia - hoje em dia é preciso estar mais atento ao prêmio dos sindicatos -, dificilmente outros indicados não estarão também no Oscar. Nasce Uma Estrela concorre como drama. Cavou indicações para melhor filme, ator (Bradley Cooper), atriz (Lady Gaga) e até diretor (Cooper, de novo). A Associação divide os filmes por gêneros, mas direção e atores coadjuvantes concorrem unificados. Roma, da Netflix, foi indicado para melhor filme estrangeiro, do México. Alfonso Cuarón concorre a melhor diretor, e muito provavelmente ganhará o Oscar. Concorre também a melhor roteiro.

A Favorita, de Yorgos Lanthimos, está mais para drama, mas foi indicado como comédia ou musical. Suas três atrizes estão na disputa - Olivia Colman, melhor atriz; Emma Stone e Rachel Weisz, melhor coadjuvante. Lanthimos não foi selecionado. Vice, com Christian Bale como o vice-presidente Dick Cheney, é o campeão de indicações, com 6. Concorre a melhor filme de comédia, ator, diretor e roteiro (Adam McKay, nas duas últimas). Pantera Negra e Bohemian Rhapsody concorrem em cinco categorias cada um. São os blockbusters da disputa. Rami Malek, que faz Freddie Mercury, encara a disputa com Bradley Cooper.

Infiltrado na Klan concorre a melhor filme (drama), diretor (Spike Lee), ator (John David Washington, filho de Denzel) e ator coadjuvante (Adam Drive). Quem apostava nas chances de Damien Chazelle com seu Primeiro Homem na Lua, decepcionou-se, mas a admirável Claire Foy concorre como coadjuvante. A Associação também reconheceu Podres de Ricos como fenômeno cultural e artístico - o filme concorre como comédia ou musical, e Constance Wu está indicada para melhor atriz da categoria. Barry Jenkins - de Moonlight, Sob a Luz do Luar - concorre a melhor roteiro por Se a Rua Beale Falasse, que também candidatou Regina King a melhor coadjuvante.



Concorrem a melhor animação - Os Incríveis 2, Ilha dos Cachorros (de Wes Anderson), WiFi Ralph - Quebrando a Internet (cujos diretores estarão no fim de semana na Comic Con), Mirai e Homem-Aranha no Aranhaverso. Os selecionados para filme estrangeiro são - Cafarnaum, de Nadine Labaki, do Líbano; Roma, do México, que deve ganhar; o alemão Never Look Away; o belga Girl; e o japonês Assunto de Família, de Hirokazu Kore-eda, que já venceu a Palma de Ouro, em maio. De volta ao principal indicado - Vice -, o filme de Adam McKay está à medida de seu personagem. Cheney, um político obscuro que representava a burocracia de Washington, remodelou a administração pública sob a presidência de George W. Bush de um jeito que muitos analistas asseguram que ainda terá consequências no futuro. McKay venceu o Oscar de melhor roteiro adaptado de 2016 por A Grande Aposta, sobre a especulação financeira em Wall Street. Depois de se perguntar onde está o dinheiro, o diretor pergunta-se agora onde está o poder? Seu filme foi chegando em surdina e agora, a partir do Globo de Ouro, desponta como possível favorito nas premiações de fim de ano (e do Oscar).

A cerimônia de entrega da 76.ª edição do Globo de Ouro será realizada em 6 de janeiro, em Beverly Hills. Os anfitriões da festa serão a atriz Sandra Oh, de Grey’s Anatomy, e Andy Samberg, de Brooklyn Nine-Nine. Quase três semanas mais tarde, em 22 de janeiro, ocorrerá o anúncio dos indicados para o Oscar. Sendo um troféu que contempla cinema e TV, o prêmio da Associação de Correspondentes estrangeiros também anunciou seus indicados de melhor série de drama e comédia ou musical na televisão.

TV

Concorrem a melhor série de drama - The Americans, Bodyguard, Homecoming, Killing Eve e Pose. A melhor série de comédia - Barry, Kidding, The Good Place, The Kominsky Method e Marvelous Mrs. Maisel. Concorrem a melhor filme de TV - The Alienist, The Assassination of Gianni Versace - American Crime Story, Escape at Dannemora, Sharp Objects e A Very English Scandal.

Entre os indicados para os prêmios de interpretação de TV estão Michael Douglas, melhor ator de comédia, e Alan Alda, melhor coadjuvante, ambos por The Kominsky Method; Sacha Baron Cohen, também melhor ator de comédia, por This Is America; e Antonio Banderas, melhor ator de drama, por Genius: Picasso. Edgar Ramirez e Penélope Cruz concorrem na categoria de coadjuvantes por O Assassinato de Gianni Versace. Regina King concorre duplamente - melhor coadjuvante (de cinema) por If The Beale Street Could Talk e melhor atriz de filme de televisão por Seven Seconds. Ela é realmente excepcional no longa de Barry Jenkins.





Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

Papai Noel o ano inteiro Papai Noel o ano inteiro
As luzes na cidade anunciam que o Natal já chegou. É nesta época do ano que o espírito natalino faz aflorar alguns dos sentimentos mais nobres. Agora iremos contar histórias de pessoas, organizações e empresas que fizeram da solidariedade missão de vida
Vida fit todo dia Vida fit todo dia
Apesar de a abertura do Verão no Brasil só acontecer em dezembro, no Nordeste há uma antecipação da data. Por esse motivo, que tal aproveitar esses meses de energia para cultivar bons hábitos e mudar o estilo de vida? Veja várias dicas de como se cuidar
BRT: E agora? BRT: E agora?
Ele está ferido, sofrido. Esquecido. E sem perspectivas de melhoria. Tem sobrevivido como é possível e, apenas pontualmente, esboça reações positivas. O sistema BRT, Bus Rapid Transit, tem sofrido de inanição em todo o País. E poderá se perder.

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2018 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM