Jornal do Commercio
BRITÂNICO

Bafta Awards concede quatro prêmios para 'Roma'

A premiação do cinema britânico destacou o filme de Alfonso Cuarón

Publicado em 11/02/2019, às 11h35

O diretor Alfonso Cuarón / Ben Stansall/AFP
O diretor Alfonso Cuarón
Ben Stansall/AFP
Edouard Guihaire, da AFP

"Roma", do cineasta mexicano Alfonso Cuarón, foi coroado neste domingo como a grande surpresa dos prêmios do cinema britânico, com quatro prêmios, incluindo o de melhor filme, estragando a noite do filme "A Favorita".

Contrariando as previsões, "Roma", falado em espanhol e em um dialeto indígena, que acontece no turbulento México dos anos 1970, ganhou o prêmio de Melhor Filme, Melhor Diretor para Cuarón, Melhor Fotografia e Melhor Filme Estrangeiro do Bafta Awards, em um cerimônia realizada no Royal Albert Hall, em Londres.

PROJETO PESSOAL

"Roma" é um projeto muito pessoal de Cuarón. Produzido pela Netflix e filmado em preto e branco, acompanha a história das duas mulheres que marcaram sua infância: a empregada, de origem indígena, e a dona da casa, sua mãe, que o marido está prestes a deixar por outro amor



Através das duas mulheres - uma mãe em processo de separação interpretada por Marina de Tavira e uma babá de origem indígena e grávida após suas primeiras experiências sexuais personificada por Yalitza Aparicio - o filme oferece um retrato profundo de conflitos e hierarquias domésticas e das questões sociais da época no México.

Assim, "Roma", mundialmente aclamado desde o seu lançamento, ganha velocidade em sua corrida na direção ao Oscar, que será celebrado em duas semanas. O filme está entre os favoritos com 10 indicações.


Palavras-chave




Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

JC 100 anos JC 100 anos
Para marcar os 100 anos de fundação, o JC publica este especial com um panorama do que se passou neste período em que o jornal retratou o mundo, com projeções de especialistas sobre o que vem por aí e com os bastidores da Redação do Jornal do Commercio
Sozinha nasce uma mãe Sozinha nasce uma mãe
Uma palavra se repete na vida dela: sozinha. Porque estava sozinha na gravidez. Sozinha na hora do parto. Sozinha nas primeiras noites de choro. Sozinha nos primeiros passos. Sozinha no registro civil. O JC conta histórias de luta das mães sozinhas
Segunda chance - Caminhos para ressocializar Segunda chance - Caminhos para ressocializar
Eles saem das prisões, mas as prisões não saem deles. Perseguem-nos até o final de suas vidas. Como uma condenação perpétua. Pena. Eles lamentam. Mas precisam seguir. E neste difícil caminho da ressocialização, o trabalho é uma espécie de absolvição.

    SIGA-NOS

    LICENCIAMENTO

  • Para solicitação de licenciamento, contactar editores@ne10.com.br

Jornal do Commercio 2019 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE |

PRIVACIDADE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM