Jornal do Commercio
Notícia
Crítica

Filme 'Superação - O Milagre da Fé' não vem para converter

Inspirado em fatos reais, longa de Roxann Dawson é, acima de tudo, uma lição de perseverança

Publicado em 16/04/2019, às 05h00

A mãe Joyce (Chrissy Metz) vive aflição, agonia e esperança desmedida em 'Superação'. / Foto: 20th Century Fox/Divulgação
A mãe Joyce (Chrissy Metz) vive aflição, agonia e esperança desmedida em 'Superação'.
Foto: 20th Century Fox/Divulgação
Robson Gomes

Bem longe do rótulo polêmico que recebeu semanas atrás – o “filme que o presidente do Brasil viu em meio à crise” – o longa Superação – O Milagre da Fé, lançado na última quinta-feira (11) em 500 salas dos cinemas brasileiros, merece a devida atenção do público pela mensagem que está implícita não só em seu título, mas no enredo como um todo.

Baseado numa história real, o longa dirigido por Roxann Dawson é uma adaptação do livro best-seller O Impossível, de Joyce Smith. Na sinopse do longa, durante um passeio com a família em uma manhã de inverno no Lago Saint Louis, no Missouri, o menino John Smith (Marcel Ruiz), de apenas 14 anos, sofre uma queda e se afoga por mais de 15 minutos. Chegando ao hospital, John é considerado morto por mais de uma hora até que sua mãe, Joyce Smith (Chrissy Metz – conhecida do público por estrelar a série This Is Us), ao lado do pai Brian (Josh Lucas) e do pastor Jason (Topher Grace), junta todas as suas forças e pede a Deus para que seu filho sobreviva.

Embora tenha toda a embalagem de “filme cristão”, Superação não tem o objetivo de converter ninguém. A prova disso é sua trilha sonora – assinada pelo brasileiro radicado nos EUA, Marcelo Zarvos – que vai desde o hit Uptown Funk, de Bruno Mars, passando por Carrie Underwood e claro, algumas canções gospel, como a ótima Hold On, de Mickey Guyton, em um dos momentos mais tocantes do longa.



A interpretação de Chrissy como a “fervorosa” mãe impressiona e provoca no espectador os mais diversos sentimentos. Desde aflição e agonia em ver seu filho quase sentenciado à morte, até sua desmedida esperança pela recuperação do garoto. Com isso, ela passeia por momentos de teimosia, egoísmo e a duvidar dos desígnios de Deus, questionando sua própria fé e o estilo “moderno” de seu pastor.

LIÇÃO DE VIDA

Tirando a sequência metafórica em que John, submerso, nada para “voltar à vida” em um momento crítico de seu tratamento, Superação é capaz de emocionar. Saber que aquilo aconteceu na vida real dá mais peso para acreditar em seu roteiro, que mostra fotos dos personagens reais nos créditos finais.

Também não precisa acreditar em Deus para assistir Superação – O Milagre da Fé. Apenas ter a sensibilidade de que, nos momentos mais críticos, a crença em um ser superior pode sim, fazer a diferença na sua vida. Basta acreditar.





Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.

OFERTAS

Especiais JC

Especial Tempo de Férias Especial Tempo de Férias
O tempo das férias finalmente chegou e com ele os vários planos sobre o que fazer no período livre. O JC traz algumas dicas de como otimizar o período para voltar renovado do merecido descanso.
Copa América no Brasil Copa América no Brasil
Confira a relação da Copa América com o Brasil, o histórico e detalhes da edição deste ano, na qual a seleção terá que se virar sem Neymar, cortado do torneio. Catar e Japão participam como convidados
O nome dele era Gabriel Diniz O nome dele era Gabriel Diniz
José Gabriel de Souza Diniz, o Gabriel Diniz, ou simplesmente GD como os fãs o chamavam, morreu precocemente, aos 28 anos, em um acidente com um pequeno avião no litoral sul de Sergipe ocorrido na segunda-feira, 27 de maio de 2019.

    SIGA-NOS

    LICENCIAMENTO

  • Para solicitação de licenciamento, contactar editores@ne10.com.br

Jornal do Commercio 2019 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE |

PRIVACIDADE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM