Jornal do Commercio
TV

Louro José brinca com o mascote da seleção, o 'Canarinho Pistola'

Com Ana Maria Braga e Eric Faria, ele falou sobre o primo e ironizou o fato de não saber jogar futebol

Publicado em 13/06/2018, às 19h28

A conversa à distância entre Louro José e o Canarinho Pistola / TV Globo/Reprodução
A conversa à distância entre Louro José e o Canarinho Pistola
TV Globo/Reprodução
Estadão Conteúdo

O papagaio Louro José pode até ser simpático, mas sabe se defender quando alguém tenta lhe diminuir. Ele deu uma resposta malcriada para Ana Maria Braga no Mais Você desta quarta-feira, 13, quando foi comparado ao mascote da seleção brasileira.

O repórter Eric Faria estava ao vivo de Sochi, na Rússia, e falava da popularidade do chamado "Canarinho Pistola" na sede da Copa do Mundo. "Dizem até que ele é seu primo mais novo, Louro. Eu estou com uma surpresa: vem cá, Canarinho."

Nesse momento, o mascote apareceu ao lado do repórter acenando para a Ana Maria e para o Louro, que disse "Primo, você tá muito lindo aí." Eric sugeriu que o animal é bom de bola e ele fez muitas embaixadinhas na frente da câmera.



"Olha!", se surpreendeu a apresentadora. "Lourinho, você não consegue fazer isso". Louro José respondeu na lata: "E ele também não consegue vir aqui conversar contigo, então tá zero a zero. Empatamos nessa".

CADA UM NA SUA

Ana Maria Braga e Eric Faria caem na risada, ao passo que Louro deixa claro que não gostou nada da comparação: "Cada um com seu cada qual".

O repórter, não satisfeito com a resposta da ave, provocou: "Você também não tem essa cara de invocado". Mas Louro José mostrou que tudo não passou de brincadeira e que é mestre na simpatia: "Está certo, é assim que tem que ser na Copa. Canarinho, tamo junto!".





Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

Especial educação Especial educação
E se você descobrisse que o futuro ligado às tendências que irão norteá-lo já chegou? O mundo hoje é um mar de oportunidades, para conhecimento, informação e inovação. Cada vez mais o profissional precisa evoluir. Por isso veja o caminho a seguir
A revolução da ciclomobilidade: o exemplo de Fortaleza A revolução da ciclomobilidade: o exemplo de Fortaleza
A capital cearense, diferentemente da pernambucana – embora nordestina também – deu um salto na infraestrutura viária voltada para as bicicletas. A cidade está repleta de ciclofaixas. Por toda parte. E a grande maioria conectada
Cantos e Recantos Cantos e Recantos
A temporada de sol está nos espreitando, e a Praia de Boa Viagem é sempre uma opção de passeio. Mas que tal ousar um pouquinho na quilometragem e desbravar outros destinos? Pernambuco tem muitos lugares fantásticos e você vai adorar o roteiro que o JC fe

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2018 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM