Jornal do Commercio
Notícia
Decisão

Bruno Gagliasso encerra contrato com a TV Globo após 18 anos

Desejando 'mais liberdade artística', ator poderá voltar a emissora para trabalhar por obra

Publicado em 07/11/2019, às 16h48

Bruno Gagliasso ficou na Globo por 18 anos. / Foto: Ramon Vasconcelos/TV Globo
Bruno Gagliasso ficou na Globo por 18 anos.
Foto: Ramon Vasconcelos/TV Globo
Ludimila Honorato/Estadão Conteúdo

Bruno Gagliasso encerrou seu contrato com a TV Globo após 18 anos de atuações em séries e novelas da emissora. Mas isso não significa que ele vai deixar de vez a empresa. Ele ainda poderá trabalhar por obra, um meio que as partes encontraram para que o ator tenha "mais liberdade artística".

Aos 37 anos, Gagliasso afirmou em uma publicação no Instagram, nesta quinta-feira (7), que a negociação com a Globo foi baseada em uma relação "muito franca e madura" como "sempre foi".

"A empresa me acolheu, ouviu minhas ideias e decisões, e assim compreendemos este novo tempo", disse.

O contrato foi rompido nos moldes convencionais para que ele possa trabalhar junto à emissora por obra. "O futuro certamente nos reserva muitos outros trabalhos, novas e maravilhosas histórias", acrescentou.



Na publicação, composta por fotos de personagens que Gagliasso viveu na dramaturgia da Globo, ele relembrou o nome de alguns deles e afirmou que todos "trouxeram coisas boas e lindas".

Ele finalizou o texto agradecendo à emissora pela possibilidade de "amadurecer como ator" e pela confiança em seu trabalho. "Fui e sou muito feliz por todos esses anos", disse.

VEJA O POST DE BRUNO:

Ver essa foto no Instagram

Tudo muda. A gente muda. O tempo muda. Nossas relações mudam. Mas o afeto, esse é permanente. Há dezoito anos vocês me acompanham em séries e novelas da TV Globo e juntos fomos construindo uma bela história que agora ganha um novo capítulo. Como muitos de vocês têm lido hoje, meu contrato, nos moldes convencionais, foi encerrado para que eu possa trabalhar por obra na TV Globo e ter mais liberdade artística. Nossa relação sempre foi muito franca e madura e não seria diferente neste momento. A empresa me acolheu, ouviu minhas ideias e decisões, e assim compreendemos este novo tempo. O futuro certamente nos reserva muitos outros trabalhos, novas e maravilhosas histórias. Nessas quase duas décadas fizemos trabalhos incríveis, conquistamos dois Emmys, entramos nas casas de milhões de brasileiros para falar sobre outros brasileiros. Fui Inácio, Júnior, Ricardo, Ivan, Tarso, Timotinho, Franz, Edu, Mario, Gabriel e tantas outras vidas que só trouxeram coisas boas e lindas. Tudo isso é parte da minha trajetória, parte de quem sou hoje. E sempre será. E por tudo isso, meu obrigado a Rede Globo por ter me possibilitado amadurecer como ator, por ter acreditado em mim, apostado na minha arte e me dar a oportunidade singular de aprender e atuar com os melhores do país. Fui e sou muito feliz por todos esses anos. Até já!

Uma publicação compartilhada por Bruno Gagliasso ?????????????? (@brunogagliasso) em




Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.

OFERTAS

Especiais JC

Reencontros Reencontros
A menina que salvou os livros numa enchente, o garoto que venceu a raiva humana, o médico que superou a pobreza, os albinos de Olinda e o goleiro de uma só perna foram personagens do projeto Reencontros, publicado em todas as plataformas do SJCC
Especial Nova Rotação Especial Nova Rotação
As cidades estão entrando em colapso. Refletem o resultado da mobilidade urbana convencional, um mal incorporado à sociedade e de difícil enfrentamento.Mas o momento de inverter essa lógica é agora. Criar uma nova rotação para as cidades, para as pessoas
JC Recall de Marcas 2019 JC Recall de Marcas 2019
Pitú e Vitarella são as marcas mais lembradas pelo consumidor pernambucano, de acordo com a edição 2019 do Prêmio JC Recall de Marcas. O ranking foi feito a partir de levantamento do Harrop Pesquisa para o Jornal do Commercio.

    SIGA-NOS

    LICENCIAMENTO

  • Para solicitação de licenciamento, contactar editores@ne10.com.br

Jornal do Commercio 2019 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE |

PRIVACIDADE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM