Jornal do Commercio
MÚSICA

Elza Soares disponibiliza single do seu novo disco para download

Música "Maria da Vila Matilde" faz parte do disco "A Mulher do Fim do Mundo", o primeiro de inéditas, a ser lançado pelo Natura Musical, e fala sobre violência doméstica

Publicado em 11/08/2015, às 15h32

A cantora Elza Soares em apresentação no Teatro de Santa Isabel / Foto: Hesíodo Góes/Acervo JC Imagem
A cantora Elza Soares em apresentação no Teatro de Santa Isabel
Foto: Hesíodo Góes/Acervo JC Imagem
Kalor Pacheco
kpacheco@jc.com.br

"Cê vai se arrepender de levantar / A mão pra mim." Para uma mulher dura na queda, como a cantora Elza Soares, não se espera versos menos vigorosos que estes. Eles estão na música Maria da Vila Matilde (Porque se a da Penha é brava, imagine a da Vila Matilde!), lançada na tarde desta terça-feira (11), como single do álbum A Mulher do Fim do Mundo, o primeiro de inéditas da negra. Trata-se, como define o site da Natura Musical, onde a música escrita pelo sambista Douglas Germano foi disponibilizada, de um "samba-de-breque à la Kid Morengueira".



Para além da voz da diva ­­- eleita como a Cantora do Milênio pela tradicional rádio BBC de Londres -, a canção é um grande coquetel de forças musicais e valores feministas. A sonoridade amparada pela banda formada por experientes músicos: os guitarristas Kiko Dinucci e Rodrigo Campos (músicos do Metá Metá), o bateirista Guilherme Kastrup (produtor musical do disco), o baixista Marcelo Cabral (produtor de Nó na Orelha e Convoque Seu Buda, de Criolo), o percussionista Felipe Roseno  e o trombonista Edy Trombone. No que diz respeito a voz feminina interpretada por Elza, a canção problematiza a violência doméstica sugerindo, desde a primeira estrofe: "Cadê meu celular? / Eu vou ligar prum oito zero."

No site do Natura Musical a música Maria da Vila Matilde pode ser ouvida, assim como o download também pode ser realizado.





Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

Segunda chance - Caminhos para ressocializar Segunda chance - Caminhos para ressocializar
Eles saem das prisões, mas as prisões não saem deles. Perseguem-nos até o final de suas vidas. Como uma condenação perpétua. Pena. Eles lamentam. Mas precisam seguir. E neste difícil caminho da ressocialização, o trabalho é uma espécie de absolvição.
Papai Noel o ano inteiro Papai Noel o ano inteiro
As luzes na cidade anunciam que o Natal já chegou. É nesta época do ano que o espírito natalino faz aflorar alguns dos sentimentos mais nobres. Agora iremos contar histórias de pessoas, organizações e empresas que fizeram da solidariedade missão de vida
Vida fit todo dia Vida fit todo dia
Apesar de a abertura do Verão no Brasil só acontecer em dezembro, no Nordeste há uma antecipação da data. Por esse motivo, que tal aproveitar esses meses de energia para cultivar bons hábitos e mudar o estilo de vida? Veja várias dicas de como se cuidar

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2019 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM