Jornal do Commercio
MÚSICA

"Deu onda": MC G15 emplaca primeiro hit do verão; confira outras apostas

Funk já figura entre os 50 mais ouvidos no Spotify e é interpretado por alguns dos maiores artistas do Brasil

Publicado em 30/12/2016, às 15h46

MC G15 tem apenas 18 anos e compôs o hit para a namorada / Foto: Reprodução/Facebook
MC G15 tem apenas 18 anos e compôs o hit para a namorada
Foto: Reprodução/Facebook
JC Online

Início das férias, Carnaval se aproximando, chegou o momento do ano em que as músicas candidatas a hit do verão começam a aparecer. E 2017 já tem um forte candidato: Deu onda, do MC G15. Em apenas uma semana no ar, o vídeo já tem quase 24 milhões de visualizações no Youtube e figura como uma das 50 mais tocadas do mundo no serviço de música digital Spotify.

MC G15, autor da música, tem 18 anos e conta que compôs o funk para homenagear a namorada, com quem está há cinco anos. Filho de pedreiro, nascido e criado em Caxias, na Baixada Fluminense, numa família de oito irmãos, hoje ele vive em São Paulo e diz que a inspiração para o hit veio durante uma sessão do filme de terror "Invocação do Mal".

O trecho da música em que o funkeiro canta "meu pai te ama" ganhou uma versão "proibidona", quando uma das vogais de "pai" é substituída por outra. Essa é a que artistas como Anitta e Latino tem cantado em seus shows.

"Gosto das duas versões, mas canto a que é mais light para que meus irmãos e meus pais também possa ouvir. Tudo parece um sonho e com o sucesso da música já consegui comprar uma casa para eles", afirmou G15. Recentemente o funkeiro compartilhou em sua página no Facebook um vídeo do cantor Wesley Safadão cantando o funk.

A letra diz: "Eu preciso te ter / Meu fechamento é você mozão / Eu não preciso mais beber e nem fumar maconha / a sua presença me deu onda / o seu sorriso me dá onda / você sentando, mozão, meu deu onda / Que vontade de ter ter garota / Eu gosto de você, fazer o quê? O pai te ama".



No Recife, MC Sheldon também gravou sua versão para o hit.

 

 

 

Outras apostas

MC Kevinho – Tumbalatum: Hit preferido antes da explosão de "Deu Onda", o funk do MC que era o coadjuvante dos clipes de MC Bin Laden e MC Brinquedo também deve tocar muito no verão.

Henrique e Diego – Raspão (com Simone e Simaria)Aproveitando também o sucesso das ex "coleguinhas", a dupla quer voltar ao topo das paradas após conseguir emplacar "Suíte 14". 

Ivete Sangalo - O Doce: A nova aposta de Veveta foi gravada ao vivo em Trancoso, na Bahia, e tem todo o clima do carnaval bahiano. 

Wesley Safadão e Matheus e Kauan - Meu coração deu pt: Safadão, que é um dos maiores hitmakers do Brasil na atualidade, espera alcançar o topo das paradas no Carnaval com a música fruto de mais uma parceria do artista com os sertanejos. 

MC Don Juan – Oh novinha eu quero te ver contente:  A declaração de amor do MC Don Juan – talvez um pouco explícita, mas ainda de amor – mal tem nome oficial, que dirá clipe. Mesmo assim, 13 milhões de views não é para qualquer um. 


Palavras-chave




Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

Papai Noel o ano inteiro Papai Noel o ano inteiro
As luzes na cidade anunciam que o Natal já chegou. É nesta época do ano que o espírito natalino faz aflorar alguns dos sentimentos mais nobres. Agora iremos contar histórias de pessoas, organizações e empresas que fizeram da solidariedade missão de vida
Vida fit todo dia Vida fit todo dia
Apesar de a abertura do Verão no Brasil só acontecer em dezembro, no Nordeste há uma antecipação da data. Por esse motivo, que tal aproveitar esses meses de energia para cultivar bons hábitos e mudar o estilo de vida? Veja várias dicas de como se cuidar
BRT: E agora? BRT: E agora?
Ele está ferido, sofrido. Esquecido. E sem perspectivas de melhoria. Tem sobrevivido como é possível e, apenas pontualmente, esboça reações positivas. O sistema BRT, Bus Rapid Transit, tem sofrido de inanição em todo o País. E poderá se perder.

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2018 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM